Festival de forró vai servir para expandir ritmo sertanejo no país

O festival de dança e música forró, denominado “Arraiá Bem Brasil”, em Angola é uma oportunidade para os artistas brasileiros expandirem o ritmo sertanejo e mostrarem as qualidades do referido estilo musical, considerou sexta-feira, em Luanda, o músico e compositor brasileiro Raymundo Sodré.

Em entrevista à Angop, o artista disse que o evento, marcado para hoje no Museu das Forças Armadas, permitirá uma maior interacção entre a cultura do nordeste brasileiro e os angolanos presentes no local.

Raymundo Sodré reconheceu que em relação a outros estilos musicais, o forró é menos conhecido em Angola mas que com realização do festival este género irá ganhar o seu espaço no país .

O mesmo mostro a sua disponibilidade em aprender e colaborar com músicos angolanos no sentido de elevar o seu nível cultural.

Raymundo Sodré nasceu no Estado da Bahia (Brasil) e desde década de 70 que divulga a cultura nordestina pelo mundo.

Luanda acolhe hoje a primeira edição do festival “Arraiá Bem Brasil” em Angola com a participação dos músicos e compositores brasileiros do estilo forró, Targino Gondim e Raymundo Sodré. (ANGOP)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »