Radio Calema
InicioAngolaSociedadeLisboa acolheu Feira da Mulher Africana

Lisboa acolheu Feira da Mulher Africana

O intercâmbio no domínio cultural e a intensificação dos laços de amizade entre os povos africanos foram evidenciados na Feira da Mulher Africana, realizada no último fim-de-semana em Lisboa.

A presidente da Plataforma para o Desenvolvimento da Mulher Africana (PADEMA), Luzia Moniz, declarou que é importante a realização de mais eventos do género, por permitirem uma maior interacção e união entre os africanos. Luzia Moniz disse esperar que mais pessoas adiram ao projecto, sobretudo as instituições públicas e privadas.

A feira foi idealizada também com o objectivo de “mostrar a cultura africana à sociedade portuguesa e dizer aos lisboetas que Lisboa é também uma cidade de cultura dos africanos”, acentuou. “Queremos também mostrar em Portugal que África é diversidade e plural”, declarou Luzia Moniz.

A feira foi realizada por ocasião do Dia da Mulher Africana, que é hoje assinalado, e juntou cidadãos de Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Marrocos, Moçambique, Quénia, São Tomé e Príncipe e Senegal. A organização do evento convidou expositores de Portugal, Brasil, Peru e Cuba, que responderam positivamente ao convite em nome da solidariedade internacional para com África.

Na feira estiveram expostos produtos africanos, desde roupa, calçado, lenços, colares, brincos, objectos para decoração, peças de artesanato e gastronomia. (Jornal de Angola)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.