Radio Calema
InicioGovernoActividades PartidáriasMPLA promete requalificar ‘Mercado do 30’

MPLA promete requalificar ‘Mercado do 30’

O primeiro secretário do MPLA em Luanda visitou os mercados localizados no município de Viana, no quadro da campanha eleitoral para as eleições gerais marcadas para o próximo 23 de Agosto.

O primeiro secretário do MPLA em Luanda, Higino Carneiro, prometeu requalificar, no próximo ano, o “Mercado do 30”, de modo a torná-lo um espaço moderno. O político visitou, ontem, mercados no município de Viana, no âmbito da campanha eleitoral que decorre desde Domingo último. Higino Carneiro defendeu que é necessário asfaltar o perímetro do conhecido Mercado do 30 e melhorar as condições de trabalho para os comerciantes.

“Queremos um mercado que tenha condições de saúde. Aqui trabalha muita gente e vende-se muita coisa boa, essencial para as nossas vidas”, declarou. Higino Carneiro mostrou-se satisfeito por ter identificado melhorias na organização do mercado. Porém reconheceu ser necessário fazer-se ainda mais tendo, por isso, frisado a necessidade de se proporcionar emprego aos jovens que labutam naquele mercado.

Recomendou aos comerciantes a adesão ao voto, tendo explicado as vantagens em votar no MPLA e no seu candidato, João Lourenço. “Nos próximos 5 anos, temos que resolver o problema do emprego, o problema da água, da luz, do asfalto, da habitação e da escola. E tudo isso só será possível se o MPLA continuar no poder”, sintetizou. Referiu que o MPLA é o partido ideal para resolver os problemas que a população enfrenta e aconselhou o povo a não se deixar enganar com “falsas promessas, de quem não sabe qual é a realidade do nosso país, e não sabe como resolver os problemas”. Explicou a importância de conhecer os procedimentos adequados a adoptar no dia do voto. (O País)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.