Radio Calema
InicioAngolaRegiõesCuanza Norte: Munícipes de Quiquiemba clamam por serviços de telefonia

Cuanza Norte: Munícipes de Quiquiemba clamam por serviços de telefonia

Os habitantes da comuna de Quiquiemba, município de Bolongongo, Cuanza Norte, continuam inquietos com a ausência do serviço de qualquer operadora de telefonia móvel, pois isso impossibilita o acesso dos cidadãos locais às telecomunicações.

Numa ronda efetuada sábado pela Angop, na sede comunal, os interpelados apelaram aos órgãos gestores das telecomunicações no sentido de alargarem os serviços da UNITEL ou da MOVICEL àquela comuna, já que a falta destes impede o acesso às várias vantagens das telecomunicações, com realce para a telefonia móvel e a internet.

Para Rui Luís, de 25 anos, a ausência do sinal de telefonia móvel na zona obriga a população a percorrer quilómetros para aceder a tal serviço, acrescentando que a situação tem levado os jovens a perderem oportunidades em caso de participação em concursos públicos pois acabam sempre chegando tarde à sede provincial, Ndalatando, distante há 120 quilómetros.

Já Marta António Canga, residente na mesma comuna, frisou que a inexistência de serviços de telefonia isola completamente a comuna de Quiquiemba do resto do mundo, deixando os residentes sem alternativa na comunicação com familiares.

Por sua vez, José Mário lembrou os transtornos que tal quadro provoca às populações, sobretudo no concernente à solicitação de socorro para evacuação de doentes e em situações de necessidade urgente de medicamentos, pelo que solicitou da administração municipal de Bolongongo e do Governo do Cuanza Norte esforços para a inversão de tal realidade.

utro entrevistado, Godinho Cawessa, associou a ausência de serviço de telefonia na comuna às dificuldades de acesso por estrada a partir da sede municipal de Bolongongo, numa distância de 60 quilómetros. (ANGOP)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.