Radio Calema
InicioMundo LusófonoBrasilMais de 220 presos aguardam vaga em carros da polícia ou delegacias...

Mais de 220 presos aguardam vaga em carros da polícia ou delegacias na Região Metropolitana de Porto Alegre

A falta de vagas em penitenciárias da Região Metropolitana de Porto Alegre deixou nesta terça-feira (18) mais de 220 presos provisórios aguardando a transferência em delegacias ou carros da Brigada Militar. Os números foram informados pela Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) e pela Secretaria de Segurança do Rio Grande do Sul.

Eram 203 estavam em delegacias de várias cidades. O município com a pior situação é Canoas, onde há 65 detidos, seguido por Gravataí (com 31) e Novo Hamburgo (19). Porto Alegre tem 10 presos em delegacias de Pronto Atendimento e outras 20 em outros departamentos. Outros 68 presos estavam no Instituto Pio Buck, sendo 45 dentro do albergue e 23 dentro carros da polícia.

Ao todo, 343 presos esperavam vagas em presídios. Somam-se aos presos detidos em carros da polícia ou delegacias e no Pio Buck os 72 recolhidos no Centro de Triagem.
A Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) informou que acompanha o surgimento de novas vagas em cadeias para acomodar os presos.

“A Susepe, por meio do Departamento de Segurança e Execução Penal vai seguir assistindo as necessidades dos eventuais detidos, até que estes sejam encaminhados para estabelecimentos prisionais onde abrirem vagas. O trabalho de gerenciamento e monitoramento de novas vagas no sistema prisional seguirá sendo realizado ostensivamente pela Susepe”, diz nota divulgada pela entidade. (G1)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.