Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Tenor angolano canta no Coliseu dos Recreios

O tenor angolano Emanuel Mendes, um dos mentores da Companhia Nacional de Ópera de Angola, actua nesta sexta-feira, no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, Portugal, na IV “Gala Honoris Sporting”.

O artista será o convidado especial do evento, que contará também com a participação musical da Banda Sporting e da cantora de Jazz Elsa Gomes.

Em declarações à Angop, a partir de Portugal, o tenor formado em Cuba avançou que a sua actuação será marcada pela interpretação de três canções.

O artista sobe ao palco do Coliseu dos Recreios para cantar “Caruso”, de Lúcio Dalla, “Nguxi”, da angolana Belita Palma, e “Povo que lavas no Rio”, de Amália Rodrigues, um dos nomes mais sonantes do fado português.

A Gala ficará marcada pela entrega dos Prémios e Galardões Honoris Sporting, atribuídos pelo Conselho Directivo e pelos Sócios do Sporting, por votação destes.

Os prémios e galardões estão organizados em quatro áreas, tendo este ano, como novidade, mais duas categorias dedicadas ao futebol feminino.

Trata-se das categorias Universo Sporting: Núcleos e Delegações do Ano; Funcionário do Ano; Sócio do Ano; Parceiro do Ano e Iniciativa do Ano.

Modalidades: Atleta Revelação; Atleta Feminina do Ano; Atleta Masculino do Ano; Equipa do Ano; Treinador do Ano e Dirigente do Ano.

Futebol: “EAS do Ano”; Jogador e Jogadora Revelação; Melhor Futebolista do Ano, Masculino e Feminino; Equipa do Ano e Treinador do Ano.

Honra: Prémio Saudade; Prémio Carreira e Prémio Especial As nomeações (quatro por categoria) são da responsabilidade do Conselho Directivo (CD), após ouvir os responsáveis das áreas relacionadas com os prémios, de acordo com os Estatutos do Clube e o regulamento dos Prémios Honoris Sporting. Emanuel Mendes, 32 anos de idade, é director geral e fundador da Companhia Nacional de Ópera de Angola, e director geral adjunto para área científica no Instituto Superior de Artes de Angola-ISART, pertencente ao Ministério do Ensino Superior.

Detentor de uma carreira internacional cada vez mais sólida, conquistou vários prémios no país e no estrangeiro. Participou em vários concursos de música popular em Angola e alcançou prémios em quase todos eles. Foi 2º classificado no Prémio Cidade de Luanda da Canção 2004 e 3º no Variante 2004, além de ter actuado no Estrelas ao Palco 2004 (imitando Os Irmãos Kafala – com Isaú Baptista). Esteve ainda no Festival da Canção de Luanda – LAC/2006.

No exterior, esteve no Festival Musicalia 2008, em Cuba (1º Classificado), e no Concurso Internacional de Canto Lírico Cidade de Trujillo/Perú 2010 (melhor tenor e 2º Classificado).

Actuou também no 49º Concurso Internacional de Canto Lírico “Francisco Viñas” / Barcelona-2012 (2º melhor tenor) e Belvedere Singing Competition 2015 / Amesterdão (finalista). É um dos incentivadores da prática do Canto Lírico em Angola, dando formação aos interessados, e também membro do Grupo “Os Lyrikhus”, composto por Gomes Domingos e Bruno Neto, além dos guitarristas Ângelo Baltazar e Isau Baptista.

Emanuel Mendes é fundador do Grupo “Bantu Voices”, com Amoroso Lufuma, Paulo Vunge, Ralffe Rafael, Bruno Neto, Guerra Matias e Isau Fortunato. (ANGOP)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »