Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Venda de armas americanas a Taiwan condiciona relações com a China

A China expressou nesta sexta-feira a sua veemente oposição a venda de armas americanas à ilha de Taiwan, que Pequim considera uma de suas províncias.
o governo de Donald Trump autorizou a venda de armas por um valor de 1,3 bilião de dólares ao governo de Taipé, incluindo bombas guiadas, mísseis e torpedos, anunciou o Pentágono na quinta-feira.

A transação também inclui actualizações de armamento que já estão de posse de Taiwan, como um radar de defesa aérea e um sistema de guerra eletrónica.
Pequim apresentou um protesto formal a Washington, informou Lu Kang, porta-voz do ministério chinês das Relações Exteriores.

“Taiwan é uma parte indissociável do território chinês e estamos firmemente contrários a esta venda de armas”, disse.
A ilha de Taiwan está “fora” politicamente da China desde o fim da guerra civil chinesa em 1949.
A China considera a ilha uma de suas províncias e não renunciou ao uso da força para reconquistá-la.
A reação de Pequim acontece depois da resposta da embaixada chinesa em Washington, que considerou que a venda “prejudicaria a confiança mútua e a cooperação entre China e Estados Unidos”.

O presidente chinês Xi Jinping reuniu-se em Abril com Donald Trump na Flórida. As relações bilaterais pareciam ter melhoradas.
Mas a lua de mel pode ter acabado, sobretudo porque Trump mudou de tom na quinta-feira ante Pequim a respeito da gestão da questão nuclear norte-coreana. Também anunciou pela primeira vez sanções contra um banco chinês acusado por Washington de realizar actividades ilícitas para a Coreia do Norte. (AFP)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »