Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Checos são autorizados a atirar em caso de ataque terrorista

O Parlamento checo aprovou nesta quarta-feira uma emenda constitucional que autoriza os detentores legais de armas de fogo a usá-las para defender a segurança do país, como em caso de ataque terrorista.

Este texto vai contra uma recente directiva europeia, mal digeria em Praga, que visa reforçar o controle das armas de fogo.

Apresentado por um grupo de deputados da maioria governamental e da oposição, o projecto recebeu o apoio de 139 dos 168 deputados presentes.

“Esta emenda (…) irá integrar os cidadãos num contexto mais amplo de esforços visando garantir a segurança da República Checa”, comemorou o ministro do Interior, Milan Chovanec.

Para entrar definitivamente em vigor, o texto ainda precisa ser aprovado pelo Senado e pelo presidente Milos Zeman.

“Ninguém, nem as instituições supranacionais e intergovernamentais, tem o direito de ditar a um Estado soberano e democrático como assegurar a sua defesa e segurança”, afirmou uma co-autora do texto, Jana Černochová, do partido de oposição de direita ODS.

Votada em meados de Março pelo Parlamento Europeu, a directiva reforça a regulamentação em matéria de posse legal de armas de fogo, incluindo a proibição aos civis de certas armas semi-automáticas.

A República Checa está entre os países que desejam que as regras não sejam muito endurecidas, enquanto outros, como Luxemburgo e França, gostariam de uma legislação mais restritiva.

“Nós não queremos desarmar os nossos cidadãos num momento de insegurança na Europa”, declarou Chovanec nesta quarta-feira no Parlamento.

“Mostre-me um único ataque terrorista perpetrado na Europa com uma arma legalmente registada”, ressaltou o ministro, que anunciou no início deste mês que Praga apresentaria em breve uma queixa junto ao Tribunal Europeu de Justiça contra estas novas regras europeias.

A directiva provocou alvoroço, especialmente entre os caçadores, atiradores desportivos e coleccionadores. De acordo com Chovanec, ela atinge “praticamente todos os 300.000 proprietários de armas legais” na República Checa. (AFP)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »