Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Nova vaga de ciberataques está em curso na Europa

Bancos, sistema informático do governo ucraniano e até o aeroporto de Kiev foram atingidos. Na Rússia, várias empresas denunciaram ataques aos servidores

Várias instituições da Ucrânia foram atingidas por uma onda de ciberataques esta terça-feira, incluindo bancos, o distribuidor de energia estatal e o principal aeroporto de Kiev, provocando eventuais atrasos nos voos com chegada e partida da capital ucraniana.

O vice-primeiro-ministro ucraniano Pavlo Rozenko informou também que a rede informática do governo está em baixo, tendo colocado no Twitter uma imagem de um ecrã de um computador que mostra uma mensagem de erro.

Na Rússia, a petrolífera Rosneft informou também que um ciberataque atingiu os servidores da empresa. À Reuters, a empresa de segurança Group-IB, com sede em Moscovo, explicou que o ataque parece ser coordenado e visar sobretudo computadores na Rússia e Ucrânia.

Entretanto, já durante a tarde desta terça-feira, há relatos que indicam que outras empresas fora da Ucrânia e Rússia estarão a ser atingidas por uma onda de ciberataques, o que faz temer um cenário semelhante ao que aconteceu em maio, quando empresas e organizações de cerca de 150 países foram alvo de um vírus que impedia o acesso aos ficheiros nos computadores, exigindo em troca um pagamento para resolver o problema.

A Maersk, que opera nos sectores dos transportes e energia e tem sede em Copenhaga, confirmou que o sistema informático da empresa foi afetado por um ciberataque que provocou falhas em várias regiões. “Podemos confirmar que as falhas são causadas por um ciberataque”, disse uma porta-voz da empresa, citada pela agência Reuters.

A britânica WPP, a maior agência de publicidade do mundo, também confirmou à Reuters ter sofrido um ciberataque, sem acrescentar detalhes. (Diário de Notícias)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »