InicioMinistériosMinistério das Telecomunicações e Tecnologias de InformaçãoInaugurada estação dos Correios de Angola no Zango II

Inaugurada estação dos Correios de Angola no Zango II

Um posto dos Serviços de Correios de Angola foi inaugurado hoje (sábado) no bairro Zango II, município de Viana, em Luanda, pelo ministro das Telecomunicações e das Tecnologias de Informação, José Carvalho da Rocha.

No acto de inauguração, o ministro disse a cerimónia enquadra-se nos festejos do 4 de Fevereiro, Dia do Início da Luta de Libertação Nacional, que hoje se comemora.

“Não queríamos dissociar desta data, então entendemos inaugurar esta estação dos correios dentro dos conceitos que temos estado a introduzir em transformar as estações dos correios numa verdadeira loja, onde o cidadão pode encontrar vários serviços, referiu.

Os cidadãos desta região do Zango, adiantou o ministro, além dos serviços tradicionais de encomendas, vão encontrar uma serie de serviços ligados as tecnologias de informação e comunicação.

Nós, deu a conhecer o Ministro, temos o desafio de recuperar as estações dos correios, ao acrescentar que os correios tem uma capilaridade de rede muito grande e a medida que se vai recuperando as estações, construir de novo vai-se trazendo sempre esses serviços, são programas que devem continuar.

Por seu turno, a presidente do Conselho de Administração dos Correios de Angola, Luisa Andrade, referiu que esta infra-estrutura veio para apoiar a população do Zango II, visto que aqui não tem nenhum serviço de correios para a população.

Sobre a incorporação dos jovens a procura do emprego, disse que foi feito um redimensionamento do pessoal, ao esclarecer que têm funcionários da estação central que moram no Zango que foram transferidos para trabalhar aqui e os únicos admitidos agora foram para área de segurança (Angop)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.