EUA elogia iniciativa do Governo

Os Estados Unidos aplaudiram ontem, em Luanda, a iniciativa angolana de albergar, no final deste mês, uma Cimeira para promover a paz e a estabilidade na República Democrática do Congo (RDC), reiterando o apoio dos EUA à iniciativa.

O elogio foi feito pelo embaixador-adjunto do Comando dos Estados Unidos para a África (AFRICOM), Alexander Laskaris, no final de um encontro com o ministro da Defesa Nacional, João Lourenço.

A busca da paz e da estabilidade política e militar no continente africano, sobretudo na RDC, dominaram o encontro entre o ministro da Defesa e o diplomata americano, presenciado pela embaixadora americana em Angola, Helen La Lime.

O responsável pela diplomacia do AFRICOM valorizou o papel de liderança de Angola na região, salientando que os EUA estão satisfeitos com as relações bilaterais, com destaque para a cooperação entre as forças armadas dos dois países.

Alexander Laskaris informou que a situação na RDC foi analisada com profundidade nos domínios político, militar e de segurança do povo congolês, bem como as suas implicações em países como Angola, com quem partilha uma extensa fronteira. Laskaris disse esperar que a região e a comunidade internacional tenham a mesma linguagem para ajudar a resolver a “situação complicada” da RDC. “Também falamos da necessidade do incremento da cooperação militar bilateral, no âmbito da segurança marítima, onde desenvolvemos relações de interesse comum”, informou o diplomata americano, para salientar que a protecção das águas marítimas e as actividades desenvolvidas no Oceano Atlântico constituem prioridades dos dois Estados, no quadro do combate à pirataria e contrabando de armas.

O encontro serviu ainda para analisar a actual situação na Líbia, onde decorre uma operação militar contra os jihadistas em cooperação com as forças de segurança desse país. (Jornal de Angola)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »