Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Membros do Comité Central do MPLA visitam Memorial Agostinho Neto

Uma delegação do Comité Central (CC) do MPLA visitou nesta terça-feira o Memorial Agostinho Neto, no quadro da realização do VII Congresso Ordinário do partido no poder, que se realiza de 17 a 20 deste mês, em Luanda.

A delegação foi chefiada pelo vice-presidente do partido, Roberto de Almeida, que depositou uma coroa de flores no sarcófago, erguido em homenagem ao primeiro Presidente da República, António Agostinho Neto.

O gesto foi seguido pelos outros membros da comitiva.

A seguir, os visitantes percorreram as diversas áreas do memorial, como galeria, museu, exposição de 90 anos de Fidel de Castro e outras.

Em declarações à imprensa, no final da visita, Roberto de Almeida explicou que a mesma visou dar a conhecer a vida e obra de Agostinho Neto.

Quanto ao VII Congresso Ordinário, informou que começa com a eleição das comissões de trabalho dos coordenadores e toda actividade preparatória.

Adiantou que o presidente do partido, José Eduardo dos Santos, vai apresentar, no seu discurso de abertura, uma moção de estratégia.

Dessa moção, explicou, constam todos os passos previstos para manter o progresso do país.

Questionado sobre a crise financeira e económica, disse que é um fenómeno que afecta todas as classes sociais e está a registar-se também fora de Angola.

Disse estarem em curso trabalhos para mitigar os efeitos da crise e isso tem servido para não desanimar os militantes.

Já o secretário-geral do MPLA, Julião Mateus Paulo “Dino Matross”, disse que pretenderam com a visita mostrar o percurso histórico do líder e o fundador da Nação, António Agostinho Neto.

O Memorial António Agostinho Neto foi construído para perpetuar a memória do primeiro Presidente de Angola, como líder da luta de libertação, estadista, homem de cultura e humanista.

Tem ainda a finalidade de preservar e investigar a sua vida e obra, promover o conhecimento e a formação artística.

O memorial comporta o sarcófago, salas de formação artística e de leitura, além de biblioteca e museu. (ANGOP)

Deixe uma comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »