Portal de Angola
Informação ao minuto

Uíge sem vacinas contra a febre amarela

(AFP)

Os residentes da província do Uíge aguardam pela vacina contra a febre amarela.

As autoridades de saúde não se pronunciam.

Eduardo Valentim, um dos munícipes, diz que no seu entender a falta da vacina pode “causar a propagação da enfermidade” que já fez cerca de seis vitimas mortais, apesar de as autoridades sanitárias rejeitarem prestar qualquer informação a respeito.

“Como poderão combater a doença se as pessoas não forem vacinadas? Eu já ouvi que em Luanda estão ser vacinadas e porque somos excluídos?” questionou.

Alexandre Castelo e Alfredo da Costa, estudantes universitários, aguardam com muita ansiedade a chegada da vacina.

“Pedimos ao Governo que olhe também para nós, pelo menos com a vacina ficaríamos mais seguros e fora dos riscos dessa doença”, reforçou Maria da Conceição.

A VOA no Uíge procurou ouvir a Direcção Provincial da Saúde mas sem sucesso.

Numa curta conversa telefónica não gravada com a directora provincial da Saúde, Luísa Cambuta afirmou não poder prestar “nenhuma informação sobre a enfermidade por ordens superiores”. (VOA)

por Moniz Francisco

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »