Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Produzidos mais de seis mil metros cúbicos de rochas ornamentais em 11 meses

0

Segundo um documento do governo provincial, apresentado na segunda reunião ordinária do Conselho de Auscultação e Concertação Social, orientada pelo governador João Marcelino Tyipinge, a produção do minério foi feita por oito empresas.

Contribuíram para esta meta de produção a Rodang com mil e 795 metros cúbicos, a Angostone (mil e 562 metros cúbicos), a Osbal (275,75 metros cúbicos), a Metarochas (406,128 metros cúbicos), a DFG África (360,787), a Galiangol (121, 470), a Granisul (62,332 metros cúbicos) e a Omatapalo (2,409 metros cúbicos).

As referidas empresas comercializaram, no mesmo período, 22 mil e 539 toneladas de granitos, no valor de dois milhões e 506 mil dólares.

Por, outro lado, a direcção da geologia e minas demarcou cinco áreas para exploração de britas e de rochas ornamentais nos municípios do Lubango e Gambos, cuja tramitação legal para emissão do alvará mineiro decorre junto do Ministério de Tutela.

A fonte relata, por outro lado, que os responsáveis das exploradoras de rochas ornamentais têm reclamado contra as altas taxas praticadas pelo Porto do Namibe e a demora dos vistos de trabalho dos expatriados, o que tem estado a dificultar as suas actividades.

A Direcção da Indústria, Geologia e Minas da Huíla controla 79 indústrias e 30 empresas de extracção e transformação de rochas ornamentais. Os participantes receberam também informações do estado actual dos projectos financiados pelo Banco Mundial (BM). (semanarioeconomico)

Deixe uma comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »