Ministro francês critica discriminação religiosa envolvendo refugiados

O ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve (Foto de LOIC VENANCE/AFP)
O ministro francês do Interior, Bernard Cazeneuve (Foto de LOIC VENANCE/AFP)

O ministro francês do Interior condenou nesta terça-feira as declarações de prefeitos que se disseram dispostos a receber apenas refugiados cristãos, no momento em que a Europa enfrenta uma onda de migração de Oriente Médio e África.

“Não entendo essa distinção, condeno e nocivo”, afirmou o ministro Bernard Cazeneuve à televisão France 2.

“Na Síria, há toda uma série de minorias perseguidas. Os cristãos do Oriente devem ser recebidos, mas também há muçulmanos que sofrem perseguições e membros de outras minorias perseguidos com igual grau de barbárie”, declarou.

Alguns prefeitos franceses se disseram dispostos na segunda-feira a acolher refugiados em suas cidades desde fossem de religião cristã. Um deles justificou sua postura devido ao “risco de terrorismo”. (afp.com)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »