- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Brasil Governo de São Paulo assina termo que viabiliza ODS

Governo de São Paulo assina termo que viabiliza ODS

O secretário da Casa Civil, Edson Aparecido recebe em audiência o embaixador da Onu no Brasil, Jorge Chediek.Data: 21/09/2015. Local: São Paulo/SP.  (Foto: Gilberto Marques/A2img)
O secretário da Casa Civil, Edson Aparecido recebe em audiência o embaixador da Onu no Brasil, Jorge Chediek.Data: 21/09/2015. Local: São Paulo/SP. (Foto: Gilberto Marques/A2img)

Documento coloca o estado como pioneiro na implementação dos 17 ODSs da ONU

Nesta segunda-feira (21), o governo do Estado de São Paulo assina documento para a criação de um grupo que vai trabalhar as bases de implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs) elaborados a partir das diretrizes da Rio +20. “São Paulo, com a assinatura do termo, assume a vanguarda brasileira no estabelecimento de medidas que tem por objetivo cumprir a agenda universal”, afirma a chefe da Assessoria Especial para Assuntos Internacionais (AEAI), Ana Carolina Conde, ligada à Casa Civil do Estado de São Paulo.

Os ODSs substituem os Objetivos do Milênio (ODMs), que no Brasil ficaram conhecidos como 8 Jeitos de Mudar o Mundo, criados pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 2000.

A definição dos ODSs foi concluída em agosto deste ano e, neste mês, a Conferência das Nações Unidas da ONU discute a adoção da agenda.

Assinam o documento, em evento no Palácio dos Bandeirantes às 17h, o secretário chefe da Casa Civil Edson Aparecido, os secretários do Meio Ambiente e Desenvolvimento Social, Patrícia Iglecias e Felipe Sigollo (adjunto),  o embaixador da ONU no Brasil, Jorge Chediek, e a representante do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) Maristela Baioni.

“São Paulo demonstra a liderança entre os estados subnacionais, indispensáveis para a agenda e a capacidade de trabalho entre as secretarias com a finalidade de fomentar o desenvolvimento”, destaca Conde.

Os ODS serão tema de três eventos fundamentais promovidos pela ONU que tratam de clima e sustentabilidade – a Conferência para o Desenvolvimento Sustentável (25 de setembro, em Nova York), o Week Climate 2015 (27 de setembro, em Nova York) e a COP 21 (30 de novembro, em Paris).

Do enfrentamento da pobreza às mudanças climáticas

Com a conclusão neste ano dos ODMs, os ODSs darão sequência ao Movimento por meio de 17 objetivos e 169 metas. Os 70 países participantes devem, até 2030, trabalhar prioritariamente temas que vão do enfrentamento da pobreza às mudanças climáticas, ou seja, o desenvolvimento sustentável nas dimensões econômicas, sociais, ambientais e culturais. O grande desafio para implementação dos ODSs é articular e estabelecer indicadores para medir as mudanças sociais, econômicas e ambientais.

Diversas instituições públicas, privadas e do terceiro setor participam dos ODSs.

Objetivos do Desenvolvimento Sustentável

1 – Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares

2 – Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável

3 – Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades

4 – Assegurar a educação inclusiva e equitativa de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos

5 – Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas

6 – Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos

7 – Assegurar o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia, para todos

8 – Promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo, e trabalho decente para todos

9 – Construir infraestruturas resistentes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação

10 – Reduzir a desigualdade entre os países e dentro deles

11 – Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis

12 – Assegurar padrões de produção e consumo sustentáveis

13 – Tomar medidas urgentes para combater a mudança do clima e seus impactos *

14 – 4. Conservação e uso sustentável dos oceanos, mares e dos recursos marinhos, para o desenvolvimento sustentável

15 – Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra, e estancar a perda de biodiversidade

16 – Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis

17 – Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável. (sp.gov.br)

- Publicidade -
- Publicidade -

Polícia cubana detém activistas entrincheirados em protesto pela condenação de um colega

Seis membros do grupo San Isidro estavam em greve de fome Um grupo de artistas cubanos que estava entrincheirado há 10 dias numa casa do...
- Publicidade -

JLo: Propaganda e Culto da Personalidade

"João Lourenço: Contigo é Possível". Foi este o slogan escolhido pelo MPLA para uma intensa campanha nas redes sociais nos últimos dias. Vinha junto...

Trump admite deixar a Casa Branca se o Colégio Eleitoral votar em Joe Biden

Presidente reiterou "fraudes massivas" e disse que "somos um país do terceiro mundo" O Presidente americano Donald Trump disse que deixará a Casa Branca se...

Covid-19. Cuba anuncia duas vacinas e já conta com quatro possíveis fármacos

Cuba anunciou quinta-feira que vai começar os ensaios clínicos de dois projectos de vacinas contra a Covid-19, que aumentam para quatro o número de...

Notícias relacionadas

Polícia cubana detém activistas entrincheirados em protesto pela condenação de um colega

Seis membros do grupo San Isidro estavam em greve de fome Um grupo de artistas cubanos que estava entrincheirado há 10 dias numa casa do...

JLo: Propaganda e Culto da Personalidade

"João Lourenço: Contigo é Possível". Foi este o slogan escolhido pelo MPLA para uma intensa campanha nas redes sociais nos últimos dias. Vinha junto...

Trump admite deixar a Casa Branca se o Colégio Eleitoral votar em Joe Biden

Presidente reiterou "fraudes massivas" e disse que "somos um país do terceiro mundo" O Presidente americano Donald Trump disse que deixará a Casa Branca se...

Covid-19. Cuba anuncia duas vacinas e já conta com quatro possíveis fármacos

Cuba anunciou quinta-feira que vai começar os ensaios clínicos de dois projectos de vacinas contra a Covid-19, que aumentam para quatro o número de...

Amor em tempos de cólera

Inspirados pela magia literária de Gabriel Garcia Marquez, acreditamos na nova aurora de liberdade proclamada em 2017 pelo Presidente João Lourenço, mas, três anos...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.