Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Julgamento do Caso Neth suspenso até Outubro próximo

O julgamento dos cinco réus envolvidos no “Caso Neth” (vulgarmente conhecido como caso Gindungo) iniciado na última segunda-feira, na 14ª Sessão dos Crimes Comuns do Tribunal Provincial de Luanda, no município de Cacuaco, foi suspenso.

(tpa.ao)
(tpa.ao)

Fonte ligada ao Tribunal informou hoje, sexta-feira, à Angop, que a sessão reata nos dias quatro e cinco de Outubro com as declarações de Miguel Ventura Catraio, considerado como o mentor moral dos crimes, e Lutumis Lukoki.

Foram já ouvidas as rés Maiamba Brigida Fernando, Maria do Céu, Teresa Albano e Rita de Fátima, acusadas de crimes de roubo qualificado, injúria, difamação e ofensa corporal voluntária.

O julgamento está a ser orientado pelo juiz José Januário Domingos, tendo no primeiro dias sido ouvidas as declarações de Rita de Fátima e Teresa Albano.

O caso decorre do facto de uma cidadã, identificada por “Jussila”, estar a ser acusada de ter agredido e colocado gindungo nos órgãos genitais da amiga, Nikilauda Vieira Dias Galiano “Neth”,  após ter sido encontrada num quarto de hotel, em Luanda, com um homem que ambas estariam a partilhar intimidade.

No dia da agressão, em Abril deste ano,  “Jussila” fez-se acompanhar de um grupo de nove raparigas que gravaram o episódio que acabou sendo partilhado nas redes sociais.  Miguel Catraio é acusado como o principal mentor moral dos crimes. (portalangop.co.ao)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »