- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo África 34 mil elementos de forças de segurança protegem presidenciais na Côte d´Ivoire

34 mil elementos de forças de segurança protegem presidenciais na Côte d´Ivoire

Bandeira da Côte d´Ivoire (D.R)
Bandeira da Côte d´Ivoire (D.R)

Trinta e quatro mil elementos das forças de segurança ivoirienses e onusinas foram desdobrados para a proteção das eleições presidenciais de 25 de outubro próximo, anunciou a Comissão Eleitoral Independente (CEI).

Como explicaram o vice-presidente da CEI encarregue da logística, informática e segurança, Alain Dogou, e o seu conselheiro especial encarregue da segurança, Daniel Ouattara, durante uma reunião com representantes dos dez candidatos retidos, o dispositivo compreende 28 mil elementos da Gendarmaria Nacional, da Polícia Nacional e Forças Republicanas de Côte d’Ivoire (FRCI) e seis mil capacetes azuis da Operação das Nações Unidas na Côte d´Ivoire (ONUCI).

O plano global de proteção previsto tem em conta a proteção das eleições antes, durante e depois do escrutínio, devendo o mesmo dispostivo ser mantido na eventualidade duma segunda volta das presidenciais.

O desdobramento das forças de segurança far-se-á a partir de 1 de outubro próximo, uma semana antes do arranque da campanha eleitoral a iniciar-se noito dias mais tarde. (Panapress)

- Publicidade -
- Publicidade -

Reações.Violência policial na França: a imprensa estrangeira em choque

Deriva autoritária? Caso George Floyd ao estilo francês? Após a divulgação de imagens da agressão a um produtor negro pela polícia e enquanto uma...
- Publicidade -

Falta de comida leva ursos a atacar túmulos na Rússia

Animais procuraram forma de sobreviver à fome O comportamento incomum dos animais foi observado em mais do que uma cidade, mas foi o município russo...

LIMA tem nova líder no Bengo

A nova presidente provincial do Bengo da Liga da Mulher Angolana (LIMA), Ana Paula Afonso, foi investida, ontem, em Caxito, substituindo Ana José Chumbo. A...

Inocêncio de Matos, morto na manifestação do dia 11 de Novembro, vai hoje a enterrar

Passados 18 dias após a morte de Inocêncio Matos, finalmente será realizado o enterro. A família diz estar ultrapassado o diferendo que os opunha...

Notícias relacionadas

Reações.Violência policial na França: a imprensa estrangeira em choque

Deriva autoritária? Caso George Floyd ao estilo francês? Após a divulgação de imagens da agressão a um produtor negro pela polícia e enquanto uma...

Falta de comida leva ursos a atacar túmulos na Rússia

Animais procuraram forma de sobreviver à fome O comportamento incomum dos animais foi observado em mais do que uma cidade, mas foi o município russo...

LIMA tem nova líder no Bengo

A nova presidente provincial do Bengo da Liga da Mulher Angolana (LIMA), Ana Paula Afonso, foi investida, ontem, em Caxito, substituindo Ana José Chumbo. A...

Inocêncio de Matos, morto na manifestação do dia 11 de Novembro, vai hoje a enterrar

Passados 18 dias após a morte de Inocêncio Matos, finalmente será realizado o enterro. A família diz estar ultrapassado o diferendo que os opunha...

Rafael Marques defende informação transparente sobre capitais recuperados

O jornalista Rafael Marques, que durante os últimos anos denunciou actos de corrupção e desvios de fundos públicos, defendeu, ontem, na cidade do Lubango,...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.