- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Activista Marcos Mavungo condenado a seis anos de prisão efectiva

Activista Marcos Mavungo condenado a seis anos de prisão efectiva

Justiça (DR)
Justiça (DR)

O activista Marcos Mavungo, foi condenado esta segunda-feira a uma pena de prisão de seis anos. O colectivo de advogados de defesa já anunciou que vai recorrer da sentença.

O Tribunal de Cabinda condenou, esta segunda-feira (14.09), José Marcos Mavungo a seis anos de prisão efetiva. O ativista angolano está detido há seis meses e é acusado do crime de rebelião contra o Estado.

Logo depois de ser lida a sentença, Arão Bula Tempo, um dos advogados de Marcos Mavungo, disse à DW África que, nas próximas horas, irá recorrer da decisão. “Vamos esgotar todos os meios possíveis para provar que Marcos Mavungo é inocente”, afirmou.

Na semana passada, a Amnistia Internacional declarou Mavungo como “prisioneiro de consciência” e apelou à comunidade internacional que exigisse a libertação “imediata e incondicional” do ativista. Este é o quarto cidadão do enclave a ser declarado “prisioneiro de consciência” pela organização, desde 2007.

Na quinta-feira (10.09), o Parlamento Europeu (PE) aprovou uma resolução sobre as “tentativas incessantes” das autoridades angolanas para limitar as liberdades de expressão, de imprensa e de reunião pacífica e de associação e apontou o caso Mavungo como exemplo. (DW)

- Publicidade -
- Publicidade -

Analistas instam Governo moçambicano a investir em políticas efectivas para a juventude

Estudos apontam desemprego, falta de oportunidades e pobreza como factores que "facilitam" o recrutamento de jovens por grupos terroristas Vários estudos e pesquisadores apontam para...
- Publicidade -

Caso Alex Saab: Autoridades cabo-verdianas “pesam” cumprimento ou não de acórdão do Tribunal da CEDEAO

Juristas dizem não haver "obrigatoriedade" no cumprimento do acórdão que mandou colocar enviado especial da Venezuela em prisão preventiva O acórdão do Tribunal da Comunidade...

Diamante rosa do Lulo resulta em três pedras

A lapidação de um diamante rosa bruto de 46 quilates, recuperado na mina do Lulo, Lunda-Norte, em Maio de 2018, deu lugar a três...

Última Hora: Explosão em refinaria na África do Sul provoca grande incêndio

Uma explosão numa refinaria de petróleo na cidade de Durban, na África do Sul, às primeiras horas da manhã, causou um grande incêndio, originando...

Notícias relacionadas

Analistas instam Governo moçambicano a investir em políticas efectivas para a juventude

Estudos apontam desemprego, falta de oportunidades e pobreza como factores que "facilitam" o recrutamento de jovens por grupos terroristas Vários estudos e pesquisadores apontam para...

Caso Alex Saab: Autoridades cabo-verdianas “pesam” cumprimento ou não de acórdão do Tribunal da CEDEAO

Juristas dizem não haver "obrigatoriedade" no cumprimento do acórdão que mandou colocar enviado especial da Venezuela em prisão preventiva O acórdão do Tribunal da Comunidade...

Diamante rosa do Lulo resulta em três pedras

A lapidação de um diamante rosa bruto de 46 quilates, recuperado na mina do Lulo, Lunda-Norte, em Maio de 2018, deu lugar a três...

Última Hora: Explosão em refinaria na África do Sul provoca grande incêndio

Uma explosão numa refinaria de petróleo na cidade de Durban, na África do Sul, às primeiras horas da manhã, causou um grande incêndio, originando...

A vaidade e a falta de humildade de quem diz que o País não tem recursos – Ramiro Aleixo

Uma governação que herda um passivo de crise tão elevado, que obriga os seus cidadãos ao pagamento tão doloroso de uma divida que não...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.