- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Palestina hasteou bandeira na sede da ONU em Nova Iorque

Palestina hasteou bandeira na sede da ONU em Nova Iorque

ONU aprova hastear da bandeira da Palestina na sede das Nações Unidas em Nova York. (REUTERS/Jorge Silva)
ONU aprova hastear da bandeira da Palestina na sede das Nações Unidas em Nova York.
(REUTERS/Jorge Silva)

A Palestina hasteou a sua bandeira na sede das  Nações Unidas, em Nova Iorque, após aprovação da resolução pela Assembleia-geral com 119 votos a favor, oito contra; entre os quais EUA e Israel, e 45 abstenções. O resultado é claro e, com larga maioria, assistiu-se a uma vitória diplomática pelo reconhecimento do Estado palestiniano.

O hastear da bandeira da Palestina representa um novo passo para o país permitindo ao seu líder, Mahmud Abbas, de intervir no final do mês na Assembleia-Geral da ONU, em Nova Iorque, com a sua bandeira no exterior do edifício. Um momento que era aguardado desde 29 de Novembro de 2012, quando o Estado palestiniano se tornou observador da instituição.

A ONU só possibilitava a membros de pleno direito a colocação das suas bandeiras. Nos próximos vinte dias, a Palestina e o Vaticano tornaram-se os primeiros Estados, com estatuto de observador não membro, a ver as respectivas bandeiras colocadas ao lado das que representam os 193 Estados-membros da organização.

O Estado da Palestina integra as agências da ONU, pertence ao Tribunal Penal Internacional de Haia e é, hoje, reconhecido por mais de 130 países.

Ontem, momentos antes do voto, Samantha Powers, a embaixadora dos Estados Unidos, um dos oito países que votou contra a resolução, mostrou não ser “um contributo” para as negociações de paz entre palestinianos e israelitas. Israel também já reagiu, o embaixador israelita Ron Prosor afirmou que “nenhum voto pode transformar um gesto simbólico vazio de sentido num Estado”. (rfi.fr)

- Publicidade -
- Publicidade -

Analistas instam Governo moçambicano a investir em políticas efectivas para a juventude

Estudos apontam desemprego, falta de oportunidades e pobreza como factores que "facilitam" o recrutamento de jovens por grupos terroristas Vários estudos e pesquisadores apontam para...
- Publicidade -

Caso Alex Saab: Autoridades cabo-verdianas “pesam” cumprimento ou não de acórdão do Tribunal da CEDEAO

Juristas dizem não haver "obrigatoriedade" no cumprimento do acórdão que mandou colocar enviado especial da Venezuela em prisão preventiva O acórdão do Tribunal da Comunidade...

Diamante rosa do Lulo resulta em três pedras

A lapidação de um diamante rosa bruto de 46 quilates, recuperado na mina do Lulo, Lunda-Norte, em Maio de 2018, deu lugar a três...

Última Hora: Explosão em refinaria na África do Sul provoca grande incêndio

Uma explosão numa refinaria de petróleo na cidade de Durban, na África do Sul, às primeiras horas da manhã, causou um grande incêndio, originando...

Notícias relacionadas

Analistas instam Governo moçambicano a investir em políticas efectivas para a juventude

Estudos apontam desemprego, falta de oportunidades e pobreza como factores que "facilitam" o recrutamento de jovens por grupos terroristas Vários estudos e pesquisadores apontam para...

Caso Alex Saab: Autoridades cabo-verdianas “pesam” cumprimento ou não de acórdão do Tribunal da CEDEAO

Juristas dizem não haver "obrigatoriedade" no cumprimento do acórdão que mandou colocar enviado especial da Venezuela em prisão preventiva O acórdão do Tribunal da Comunidade...

Diamante rosa do Lulo resulta em três pedras

A lapidação de um diamante rosa bruto de 46 quilates, recuperado na mina do Lulo, Lunda-Norte, em Maio de 2018, deu lugar a três...

Última Hora: Explosão em refinaria na África do Sul provoca grande incêndio

Uma explosão numa refinaria de petróleo na cidade de Durban, na África do Sul, às primeiras horas da manhã, causou um grande incêndio, originando...

A vaidade e a falta de humildade de quem diz que o País não tem recursos – Ramiro Aleixo

Uma governação que herda um passivo de crise tão elevado, que obriga os seus cidadãos ao pagamento tão doloroso de uma divida que não...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.