- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Economia Análise Soares da Costa assume aposta na África Central na primeira assembleia em...

Soares da Costa assume aposta na África Central na primeira assembleia em Luanda

(D.R.)
(D.R.)

A Soares da Costa vai apostar nos próximos quatro anos em negócios na África Central como “pólo de crescimento” da construtora, depois de já em 2015 ter instalado em Luanda a sua sede operacional.

A posição surge numa informação enviada hoje à Lusa pela construtura, na sequência da primeira assembleia-geral da empresa realizada em Luanda, conforme deliberado após a aquisição da maioria do capital social por accionistas angolanos.

A reunião, que se realizou na terça-feira na capital angolana, aprovou a “expansão da empresa”, confirmando o plano de negócios 2015-2019 apresentado pela Comissão Executiva da construtura, presidida por Joaquim Negrita Fitas, e que “reafirma o foco na África Central como pólo de crescimento”.

A Comissão Executiva defende que este “reposicionamento estratégico e geográfico” visa “acompanhar o inevitável e positivo crescimento desta região de África onde a Soares da Costa  opera há décadas e cujo conhecimento, quer do terreno, quer tecnológico, vai permitir a realização de importantes obras com benefícios imediatos para as populações envolvidas”.

Na mesma informação, a Soares da Costa refere que participaram nesta assembleia geral, em Luanda, além dos principais accionistas daquela ‘holding’, “convidados de especial importância para o desenvolvimento da empresa” como os bancos Atlântico, Millennium BCP e Caixa Geral de Depósitos.

A construtura de origem portuguesa anunciou a 19 de Fevereiro deste ano que Angola passa a “centro estratégico” do grupo e que África será o “mercado prioritário” na construção, tendo os accionistas nomeado Joaquim Fitas como novo presidente da Comissão Executiva da empresa.

A informação transmitida na altura à Lusa dava ainda conta que Luanda torna-se “centro estratégico do negócio” da empresa e que a “nova orientação passa também pela captação de novos contratos de engenharia e pela redução de custos”.

O empresário angolano António Mosquito mantém-se como presidente do Conselho de Administração, enquanto Joaquim Fitas e António Gomes Mota são vice-presidentes deste órgão.

Integram ainda o Conselho de Administração Paulo Leal, Daniel Pinto da Silva e Fernando Nogueira. (jornaldenegocios.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

Manuel Rabelais começa a ser julgado no dia 9 deste mês

O antigo director do GRECIMA, Manuel Rabelais, começa a ser julgado pelo Tribunal Supremo (TS) na próxima quarta-feira, dia 09, por crime de peculato,...
- Publicidade -

Lewis Hamilton testa positivo para a Covid-19 e falha GP de Sakhir

O piloto Lewis Hamilton "acordou na segunda-feira de manhã com sintomas ligeiros". O piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) testou positivo à Covid-19 e não vai...

Assalto em Criciúma: Explosivos e “chuva de dinheiro” na rua

Assalto em Criciúma deixou reféns em via pública, quatro bombas desarmadas e dinheiro roubado de agência espalhado pelo chão Explosivos, dinheiro espalhado pelo chão e...

UNITA defende registo eleitoral independente

O maior partido da oposição angolana quer a realização de um novo registo eleitoral antes das eleições autárquicas, adiadas este ano. Analista defende que...

Notícias relacionadas

Manuel Rabelais começa a ser julgado no dia 9 deste mês

O antigo director do GRECIMA, Manuel Rabelais, começa a ser julgado pelo Tribunal Supremo (TS) na próxima quarta-feira, dia 09, por crime de peculato,...

Lewis Hamilton testa positivo para a Covid-19 e falha GP de Sakhir

O piloto Lewis Hamilton "acordou na segunda-feira de manhã com sintomas ligeiros". O piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) testou positivo à Covid-19 e não vai...

Assalto em Criciúma: Explosivos e “chuva de dinheiro” na rua

Assalto em Criciúma deixou reféns em via pública, quatro bombas desarmadas e dinheiro roubado de agência espalhado pelo chão Explosivos, dinheiro espalhado pelo chão e...

UNITA defende registo eleitoral independente

O maior partido da oposição angolana quer a realização de um novo registo eleitoral antes das eleições autárquicas, adiadas este ano. Analista defende que...

“O Banquete”: Irá a TPA abordar acusação de corrupção a Edeltrudes Costa?

A série de reportagens da Televisão Pública de Angola (TPA) sobre a corrupção, "O Banquete", tem dado muito que falar. Deputado da UNITA espera...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.