- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Primeiro-Ministro eslovaco duvida que os refugiados estivessem a morrer de fome

Primeiro-Ministro eslovaco duvida que os refugiados estivessem a morrer de fome

(AP Photo/ Markus Schreiber)
(AP Photo/ Markus Schreiber)

O primeiro-ministro da Eslováquia, Robert Fico, disse sábado, em uma estação de rádio nacional que um refugiado que pagou 5.000 euros para chegar a Europa não pode ter estado a morrer de fome.

“Por acaso pode estar morrendo de fome alguém que tenha pago 5.000 euros para um contrabandista?”, indagou aos ouvintes o político eslovaco.

O primeiro-ministro disse que 99 por cento dos refugiados constitui-se de jovens que vêm para a Europa em busca de novas oportunidades.

“Se realmente fogem do perigo, porque, por exemplo, não ficam na França, mas através do túnel tentam ir mais longe, para a Grã-Bretanha? É porque não se sentem seguros em França?”, perguntou Fico.

Para o primeiro-ministro eslovaco é impossível “abrir os braços” para pessoas que atravessam fronteiras ilegalmente e buscam uma melhor condição económica.

“Grande parte do mundo actualmente está instável, especialmente a Líbia e a Síria”, disse acrescentando que é a ONU quem deve tentar resolver o problema através de um mandato do Conselho de Segurança, e não a OTAN, que continua armar os opositores na Síria.

Um dia antes, República Checa, Eslováquia, Hungria e Polónia rejeitaram por unanimidade as cotas obrigatórias de repartição dos refugiados que estão chegando à Europa e advogaram pelo “controle efectivo” das fronteiras externas da UE.

Por sua vez, Fico disse nesta sexta-feira (4) que seu país está pronto para receber cerca de 300 famílias, de preferência de cristãos sírios. (sputniknews.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Unita volta a pedir comissão de inquérito

Deputados da Unita abordam, nesta quarta-feira, 2, em conferência de imprensa, o pedido da criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), remetido à...
- Publicidade -

O que falha em Angola na luta contra a SIDA? Quase tudo, diz a ANASO – “Foram os senhores de gravata que mais contribuíram...

O que falta em vontade política, sobra em fome e miséria. O que falta em prevenção, sobra em novas infecções e mortes. E a...

Directora-geral da Saúde de Portugal infectada com Covid-19

A diretora-geral da Saúde está infetada com covid-19, confirmou Graça Freitas ao jornal "Expresso". Graça Freitas está com sintomas ligeiros. A responsável pela autoridade nacional de...

Manuel Rabelais começa a ser julgado no dia 9 deste mês

O antigo director do GRECIMA, Manuel Rabelais, começa a ser julgado pelo Tribunal Supremo (TS) na próxima quarta-feira, dia 09, por crime de peculato,...

Notícias relacionadas

Unita volta a pedir comissão de inquérito

Deputados da Unita abordam, nesta quarta-feira, 2, em conferência de imprensa, o pedido da criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), remetido à...

O que falha em Angola na luta contra a SIDA? Quase tudo, diz a ANASO – “Foram os senhores de gravata que mais contribuíram...

O que falta em vontade política, sobra em fome e miséria. O que falta em prevenção, sobra em novas infecções e mortes. E a...

Directora-geral da Saúde de Portugal infectada com Covid-19

A diretora-geral da Saúde está infetada com covid-19, confirmou Graça Freitas ao jornal "Expresso". Graça Freitas está com sintomas ligeiros. A responsável pela autoridade nacional de...

Manuel Rabelais começa a ser julgado no dia 9 deste mês

O antigo director do GRECIMA, Manuel Rabelais, começa a ser julgado pelo Tribunal Supremo (TS) na próxima quarta-feira, dia 09, por crime de peculato,...

Lewis Hamilton testa positivo para a Covid-19 e falha GP de Sakhir

O piloto Lewis Hamilton "acordou na segunda-feira de manhã com sintomas ligeiros". O piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) testou positivo à Covid-19 e não vai...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.