- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal Parceiros do Agir furiosos. Para Joana Amaral Dias "já valeu a pena"

Parceiros do Agir furiosos. Para Joana Amaral Dias “já valeu a pena”

Cabeça de lista da coligação despiu-se para revista, defendendo o gesto como “oportunidade” para falar de direitos das mulheres

(D.R)
(D.R)

“Já valeu a pena”, atirou Joana Amaral Dias, ontem, quando confrontada pelo DN com as repercussões da sua fotografia na capa da revista Cristina. “É uma ideia bem bonita. Houve um convite [da revista] e depois houve um acerto” para a capa.

Nua, grávida, abraçada ao namorado, a imagem de Joana Amaral Dias – divulgada na noite de quinta-feira – caiu como uma bomba na coligação do movimento da ex-bloquista, o Agir, com o MAS e o PTP. Gil Garcia, líder do MAS, lamenta que “esta produção fotográfica se transforme no centro da campanha e que Joana Amaral Dias tenha dado azo a isso”.

Questionado sobre se a publicidade beneficiaria a coligação,Gil Garcia foi perentório: “Não agradeço esta publicidade.” Joana Amaral Dias recusa a leitura. “Não temo repercussões [negativas], se temesse não o teria feito”, disse. Para insistir: “Esta batalha está ganha.”

A batalha, explicou, é a de “uma oportunidade para falar dos direitos das mulheres e da maternidade”. E aponta o dedo à comunicação social, que “é capaz de ignorar olimpicamente o programa do Agir, as nossas ideias e as nossas ações diretas”, que exclui do debate os partidos pequenos e, depois, “se aparece uma mulher” fotografada assim entope-lhe o telefone com chamadas. “Diz mais sobre a qualidade da comunicação social do que sobre mim.” (dn.pt)

- Publicidade -
- Publicidade -

Potencial petrolífero é de 40 mil milhões de dólares

As empresas angolanas do sector petrolífero apenas aproveitam cerca de 10 por cento do potencial estimado em 40 mil milhões de dólares que a...
- Publicidade -

França quer punir delito de “ecocídio”

Proposta apoiada pelo governo prevê pena de até dez anos de prisão e multa de até 4,5 milhões de euros para quem causar danos...

Burkina Faso: Jihadistas impedem o voto de 300 mil eleitores

As eleições presidenciais e legislativas no Burkina Faso tiveram lugar num contexto de ameaças de grupos radicais islâmicos. Não houve registo de violência na...

Obras do novo Aeroporto Internacional de Luanda retomadas em Janeiro de 2021 e sem financiamento adicional, garante ministro dos Transportes

As obras do novo aeroporto internacional de Luanda vão ser retomadas no princípio de 2021 e serão concluídas no prazo de dois anos, garantiu...

Notícias relacionadas

Potencial petrolífero é de 40 mil milhões de dólares

As empresas angolanas do sector petrolífero apenas aproveitam cerca de 10 por cento do potencial estimado em 40 mil milhões de dólares que a...

França quer punir delito de “ecocídio”

Proposta apoiada pelo governo prevê pena de até dez anos de prisão e multa de até 4,5 milhões de euros para quem causar danos...

Burkina Faso: Jihadistas impedem o voto de 300 mil eleitores

As eleições presidenciais e legislativas no Burkina Faso tiveram lugar num contexto de ameaças de grupos radicais islâmicos. Não houve registo de violência na...

Obras do novo Aeroporto Internacional de Luanda retomadas em Janeiro de 2021 e sem financiamento adicional, garante ministro dos Transportes

As obras do novo aeroporto internacional de Luanda vão ser retomadas no princípio de 2021 e serão concluídas no prazo de dois anos, garantiu...

Sonangol e Endiama serão parcialmente privatizadas até 2022

O Governo vai dispersar em bolsa uma parte das empresas petrolífera e diamantífera Sonangol e Endiama em 2021 ou no início de 2022, disse...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.