Forças da sociedade fizeram política com morte de homem no Minhocão, diz Haddad

(diariodolitoral.com.br)
(diariodolitoral.com.br)

Durante inauguração da ciclovia na Avenida Bernardino de Campos, na manhã deste domingo, 23, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), afirmou que “forças da sociedade” fizeram “política partidária” em relação à morte de um idoso na semana passada, atropelado por ciclista sob o Elevado Costa e Silva, conhecido como Minhocão. Haddad disse ainda que se a ciclovia estivesse sendo usada, “muito provavelmente um acidente fatal não ocorreria”.

“O que causa angústia é quando algumas forças da sociedade acabam fazendo de episódios lamentáveis como esse, em que um cidadão perdeu a vida, um expediente para fazer política partidária. Porque isso me parece um grande desrespeito com a cidade e com os familiares da vítima”, criticou o prefeito.

Segundo Haddad, independentemente de ter ocorrido ou não na ciclovia, o episódio é “dolorido” porque “uma vida se perdeu”. “Mas quando a gente discute política pública temos que ter mais responsabilidade”, afirmou.

O prefeito disse que é preciso instalar uma política de compartilhamento de espaço com “muita educação” e citou que no Central Park, em Nova York, já houve duas mortes de pedestres causadas por ciclistas. (diariodolitoral.com.br)

por Estadão Conteúdo

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »