Médicos africanos em formação no Cairo sobre doenças renais

Túnis – Um total de 31 médicos de 15 países africanos participam, desde domingo, no Cairo (Egipto), na primeira sessão de formação sobre as doenças renais e infecções urinárias, soube a PANA de fonte oficial, na capital egípcia.

MAPA DO EGIPTO (Foto: Angop)
MAPA DO EGIPTO (Foto: Angop)

A sessão é organizada pela Agência Egípcia da Parceria de Desenvolvimento (AEPD) em colaboração com o Centro Mohamed Ghennem (CMG) para o tratamento de doenças renais e infecções urinárias da Universidade Mansourah, do Egipto, e com o Banco Islâmico para o Desenvolvimento.

Os países participantes são o Sudão, Sudão do Sul, Moçambique, Burkina Faso, Tanzânia, Quénia, Burundi, Gabão, Guiné-Conakry, Mali, Senegal, Somália, Togo, Mauritânia e o Tchad.

Na abertura dos trabalhos, o secretário-geral da AEPD, Hazem Fahmi, enfatizou a importância da cooperação para o desenvolvimento das capacidades de saúde dos países africanos e a formação dos seus quadros.

No final da cerimónia de abertura, a AEPD e o CMG assinaram um memorando de entendimento sobre o quadro geral da cooperação no domínio da formação de quadros da saúde africanos especializados em doenças renais e infecções urinárias, graças à organização de sessões de formação no centro e o envio de médicos do centro para os países africanos.

O memorando também prevê acções para pacientes vindos dos países africanos que beneficiarão dos mesmos tratamentos que os egípcios no centro. (portalangop.co.ao)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »