Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

“Admito afastar-me a qualquer momento se for útil para o país”

“Estou completamente de consciência tranquila”, garantiu o vice-presidente do PSD

(D.R)
(D.R)

Numa entrevista concedida ao Diário de Notícias, Marco António Costa disse-se “completamente” de consciência tranquila relativamente às conclusões do relatório preliminar do Tribunal de Contas à gestão da Câmara da Gaia entre 2008 e 2012.

Assumindo que “não existem gestões imaculadas” e que “todos nós cometemos erros de avaliação e podemos cometer erros de decisão”, o vice-presidente do PSD deixou claro que não recebeu presentes de uma construtora quando estava na Câmara de Valongo e que nunca contratou swaps. “Autorizei a contratação de um swap e esse swap não é um swap tóxico de acordo com aquilo que são os critérios legais e técnicos autorizados”, explicou.

Sobre as falhas que lhe são apontadas, o braço direito de Passos Coelho no PSD assegurou que não passam de “juízos de valor” e que não foram identificados factos de fundamentem irregularidades, ilegalidades ou crimes.

Ainda assim, admitiu afastar-se dos cargos que ocupa, se o partido e o país assim o quiserem. “Eu admito afastar-me em qualquer momento, sempre que for necessário e se isso foi útil para o meu partido e particularmente para o meu país. eu nunca estive agarrado a lugar nenhum, a prova disso é que ao longo da minha vida fui passando por vários lugares e, felizmente, deixei mais amigos do que inimigos”. (noticiasaominuto.com)

Deixe uma comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »