Ler Agora:
Serviço de Bombeiros apela população evitar valas de drenagem durante a chuva
Artigo completo 2 minutos de leitura

Serviço de Bombeiros apela população evitar valas de drenagem durante a chuva

Estragos da chuva em Luanda (Foto: Pedro Parente)

Estragos da chuva em Luanda (Foto: Pedro Parente)

Serviço de Bombeiros apela população evitar valas de drenagem durante a chuva

Em declarações, segunda-feira, à Angop para o balanço provisório da chuva que caiu sobre a cidade, Faustino Mingues disse que este apelo surge para prevenir afogamentos, electrocução e doenças, que podem ser causadas pelas águas estagnadas, propicias para a transmissão de enfermidades diversas.

De acordo com o responsável, nos diferentes distritos e municípios surgiram vários lagos, com realce para o de Viana, Sambizanga, Ingombota, Rangel e Kilamba-Kiaxi, Belas, e Cacuaco.

“ Alguns lagos têm uma certa profundidade com lama no fundo, tornando-se muito perigoso, principalmente para crianças”, alertou.

Voltou a responsabilizar os munícipes pela obstrução das valas de drenagem que causam constantes inundações em residências e determinadas ruas.

Nas últimas chuvas que caíram na sexta-feira e sábado, três pessoas morreram e uma outra ficou ferida devido ao desabamento de uma residência no distrito urbano de Kilamba-Kiaxi, enquanto outras cinco pessoas em eminência de afogamento foram salvas, na vala de drenagem do Cantintom, na Maianga.

Com uma extensão de 24.651 quilómetros quadrados, a província de Luanda conta com 3.205.346 homens e 3.337.508 mulheres distribuídos pelos municípios de Luanda, Cazenga, Cacuaco, Viana, Belas, Icolo e Bengo e Quiçama. (portalangop.co.ao)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »