Notícias de Angola - Toda a informação sobre Angola, notícias, desporto, amizade, imóveis, mulher, saúde, classificados, auto, musica, videos, turismo, leilões, fotos

Ministro realça benefícios ao longo dos 40 anos de independência nacional

0
Gonçalves Muandumba - Ministro da Juventude e Desporto (Foto: Lucas Neto)
Gonçalves Muandumba – Ministro da Juventude e Desporto (Foto: Lucas Neto)

Os 40 anos de independência de Angola, a serem assinalados a 11 de Novembro próximo, foram de provação e de glória, devido aos benefícios alcançados nos mais variados domínios pelos angolanos, afirmou hoje, segunda-feira, na cidade do Luena (Moxico), o ministro da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba.

O governante discursava na cerimónia de abertura da 13ª edição do Campo Nacional de Férias dos Estudantes Universitários (Canfeu), que terminam a 28 do corrente, tendo igualmente referido que os 13 anos de paz efectiva, a serem comemorados a 4 de Abril próximo, são testemunho dos grandes desafios, dos ganhos, das etapas ultrapassadas, do progresso e do desenvolvimento do país.

“Por isso, a realização desta edição do Canfeu é dedicada aos 40 anos da independência nacional e uma homenagem dos jovens universitários aos feitos dos heróis angolanos”, disse.

Na sua intervenção, muito ovacionada, Gonçalves Muandumba ditou que o Executivo tem em suas mãos, a espinhosa tarefa de levar a bom porto, com o orçamento disponível e revisto, o Plano Nacional de Desenvolvimento, que tem como um dos desideratos o combate as assimetrias regionais.

Aventou que uma das prioridades do Executivo é a implementação do Programa de Governo, que prima pelo combate à pobreza, materializado por via da saúde, assistência social, da educação, da formação profissional, da agricultura, dos transportes, entre outros, que se ramifica e traduz na criação de novos postos de trabalho.

Reiterou, entretanto, que Angola vive um período de contenção financeira, que precisa de todos e aposta, cada vez mais, na competência e no mérito.

“O país não só é de todos, como precisa de todos nós. O momento que atravessamos é de contenção financeira”, realçou, para solicitar o envolvimento dos jovens nas distintas tarefas do Executivo direccionadas ao desenvolvimento do país.

Relativamente ao Canfeu, o ministro clarificou que ao longo de uma semana, os jovens oriundos das 18 províncias do país têm a oportunidade de se conhecerem, viverem e trocarem experiências, de conviverem com as populações locais, fortalecerem as relações de companheirismo e o espírito patriótico, de modo a reforçarem a unidade nacional.

A cerimónia de abertura foi presenciada pelo primeiro secretário nacional da JMPLA, Sérgio Luther Rescova Joaquim.

O Canfeu é uma actividade de carácter anual, que tem a finalidade de proporcionar aos jovens a troca de experiência sobre temáticas diversas, promoção de experiências científicas e o conhecimento real das províncias do país, através de visitas a locais históricos e a empreendimentos distintos.

A 12ª edição do campo de férias aconteceu na província do Cunene, em 2014, agregando mais de mil e 500 estudantes de todo o país.

O campo de férias dos estudantes já foi realizado nas províncias do Huambo (em 2003), Huíla (em 2004), Cuanza Sul (2005), Cabinda (2006), Benguela (2007), Cuanza Norte (2008), Uíge (2010), Cuando Cubango (2011), Lunda Sul (2012), Zaire (2013) e Cunene (2014). (portalangop.co.ao)

Deixe uma comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »