Huambo: Governador quer interpretação lógica do legado patriótico dos antepassados

Huambo: Governador do Huambo, kundi paihama, durante o acto (Foto: Edilson Domingos)
Huambo: Governador do Huambo, kundi paihama, durante o acto (Foto: Edilson Domingos)

O governador da província do Huambo, Kundi Paihama, apelou hoje, quarta-feira, no município do Mungo, aos angolanos a interpretarem de forma lógica o legado patriótico dos antepassados, visando a defesa da segurança nacional, liberdade, bem-estar da população e da integridade territorial.

Discursando no acto provincial das comemorações do 4 de Fevereiro, na vila comunal do Cambuengo, informou ser necessário mais patriotismo, para combater qualquer prática que retarda o desenvolvimento harmonioso do país.

Afirmou que o legado histórico e patriótico dos heróis da luta de libertação nacional deve ser seguidos por todos, em particular a juventude como força continuadora do progresso de Angola.

O 4 de Fevereiro de 1961, de acordo com Kundi Paihama, simboliza a viragem mais profunda da história de Angola, por ter sido neste dia que um grupo de nacionalistas destemidos e amantes do povo, iniciaram o processo de libertação nacional, que veio a culminar com a derrota do regime colonial-fascista português e a proclamação da Independência, a 11 de Novembro de 1975.

Disse que a efeméride representa a liberdade do povo e a edificação da Nação, sendo, por isso, importante, que a determinação dos heróis do 4 de Fevereiro de 1961 inspire as gerações actuais e vindouras para consolidação da paz, unidade e reconciliação nacional.

O governador da província do Huambo disse que a população deve estar cada vez mais unida e vigilante, pautando pelo trabalho conjunto, espírito de iniciativa e de criatividade, para ajudar o Governo na solução de diversos problemas sociais.

Exortou os angolanos a fazerem da data uma jornada de reflexão profunda pela consolidação da paz e de participação nas acções de desenvolvimento do país. (portalangop.co.ao)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Translate »