Ler Agora:
Chelsea amplia vantagem na liderança; e Tottenham vence clássico londrino
Artigo completo 3 minutos de leitura

Chelsea amplia vantagem na liderança; e Tottenham vence clássico londrino

Cuadrado fez suas estreia pelo Chelsea (GETTY)

Cuadrado fez suas estreia pelo Chelsea (GETTY)

Líder isolado do Campeonato Inglês, o Chelsea, que bateu o Aston Villa fora de casa por 2 a 1, foi o mais beneficiado deste sábado na 24ª rodada devido ao tropeço do vice-líder Manchester City, que empatou com o Hull City em 1 a 1; no mesmo dia em que o Tottenham virou sobre o Arsenal e venceu o clássico de Londres por 2 a 1.

Na primeira partida da rodada, “Spurs” e “Gunners”, quinto e sexto colocados na tabela, disputavam a supremacia do norte da capital britânica.

Mesmo sem o atacante chileno Alexis Sánchez, o Arsenal saiu na frente com Özil, mas os dois golos de Harry Kane, o jogador do momento da Inglaterra, viraram a partida e deram os três pontos ao Tottenham, que ultrapassaram os comandados de Arsène Wenger na classificação.

Chelsea e Manchester City jogaram no mesmo horário. Em partida complicada, os “Blues” conseguiram abrir o placar com um golo do belga Eden Hazard. O Aston Villa chegou a empatar a partida com o dinamarquês Jores Okore, mas não evitou a derrota depois do golo de Ivanovic, o homem das grandes decisões da equipe londrina.

Para a surpresa de muitos, os “Citizens” tiveram que se contentar com um empate com o Hull City, que abriu o marcador no primeiro tempo. Actual campeão, o Manchester City chegou ao empate nos acréscimos, graças a um golo de falta de James Milner.

O triunfo do Chelsea, junto ao empate do Manchester City, aumentou a vantagem entre líder e segundo colocado para sete pontos e deu uma folga maior para a equipe de José Mourinho.

Everton e Liverpool fecharam o sábado com um esperado clássico que não se converteu em futebol. Ambas as equipes decepcionaram com um empate sem golos no Goodison Park que não foi bom para nenhum dos times.

O Crystal Palace impôs-se fora de casa e venceu o Leicester City, com um golo de Joe Ledley aos 10 minutos do segundo tempo, afundando ainda mais os rivais na lanterna do campeonato.

Outro time que não consegue sair da zona de rebaixamento é o Queens Park Rangers, que perdeu o treinador Harry Redknapp no meio da semana. A equipe perdeu para o Southampton, que chegou à vitória com um golo de Sadio Mané aos 48 minutos da etapa final.

O Sunderland, que parece ter encontrado o caminho do golo com a volta de Jermain Defoe, empatou em 1 a 1 com o Swansea no Liberty Stadium. O veterano abriu o marcador da partida, mas o sul-coreano Ki Sung-yueng empatou no segundo tempo. (EFE)

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos com são obrigatórios *

Input your search keywords and press Enter.
Translate »