Portal de Angola
Informação ao minuto

Cuanza Norte: Vila de Samba-Cajú assinala 103 anos da sua fundação

Cuanza Norte: Retrato da vila de Samba-Cajú (Foto: Lucas Leitão)

Ndalatando – A sede do município de Samba-Cajú, província do Cuanza Norte, assinala nesta sexta-feira, 103 anos da sua fundação, ocorrida a 1 de Agosto de 1911, com a promoção de várias actividades sociais, culturais e recreativas.

Cuanza Norte: Retrato da vila de Samba-Cajú (Foto: Lucas Leitão)
Cuanza Norte: Retrato da vila de Samba-Cajú (Foto: Lucas Leitão)

Localizado a 150 quilómetros de Ndalatando (capital da província), Samba-Cajú é um município do Cuanza Norte, cuja denominação resulta da confluência entre os rios “Samba” e “Cajú”.

Visando saudar a efeméride, a administração municipal de Samba-Cajú traçou um vasto programa de actividades cujo destaque recai para realização de um ritual tradicional,  campanhas de embelezamento e uma mesa redonda sobre a origem histórica da Vila de Samba-Cajú.

O programa comemorativo reserva ainda a realização de um prova de ciclismo em circuito fechado, encerramento de um quadrangular de futebol intermunicipal,  visitas a locais turísticos, concursos de dança e teatro e apresentação de um cartilha sobre a história do município, seguido de uma feira agropecuária.

Com o alcance da paz em 2002, a região reergue-se dos escombros da guerra por via da promoção de vários investimentos inseridos no programa de combate à fome e pobreza, sobretudo no domínio da reabilitação de infra-estruturas, onde o destaque recai para os sectores da educação, saúde e habitação.

No domínio habitacional, a sede municipal do Samba-Cajú beneficiou de um projecto de construção de 200 fogos habitacionais, cuja primeira fase abarcou a construção das primeiras 100 residências que poderão contribuir para melhor acomodação dos técnicos da administração local e atracção de novos quadros para o município.

Os projectos da administração local priorizam ainda a construção de novas salas de aula visando a redução do número de alunos fora do sistema normal de ensino, construção de novas unidades de saúde visando o reforço da assistência médica e medicamentosa às populações e reforço da distribuição de água por via da construção de novas captações e sistema de distribuição nas sedes comunais, aldeias e povoações.

A região dispõe igualmente de grandes extensões de terras aráveis que a tornam potecialmente agrícola, sobretudo a nível da comuna de Samba-Lucala que detém uma tradição da produção em grande escala, da mandioca, feijão, batata-doce, inhame, milho, café, entre outros produtos.

Samba-Cajú é um município do Cuanza Norte constituído por uma extensão territorial de 2.485 quilómetros quadrados e uma população estimadas em mais de 31 mil habitantes, distribuídos pelas comunas de Samba-Cajú (sede)  e Samba-Lucala. (portalangop.co.ao)

Também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Translate »