Radio Calema
InicioAngolaSecretário-geral do MPLA destaca formação político-partidária para debate político

Secretário-geral do MPLA destaca formação político-partidária para debate político

O secretário-geral do MPLA, Julião Mateus Paulo ?Dino Matrosse?, afirmou nesta sexta-feira, em Luanda, que para o seu partido, a formação político-ideológica constitui o fundamento dos princípios e do seu permanente trabalho ideológico.

Julião Mateus Paulo "Dino Matrosse", Secretário Geral do MPLA (Foto: Angop)
Julião Mateus Paulo “Dino Matrosse”, Secretário Geral do MPLA (Foto: Angop)

O dirigente partidário fez esta afirmação quando discursava no encerramento do I Curso de Formação de Quadros Dirigentes do MPLA, que contou com 160 formandos, entre deputados, membros do Executivo, responsáveis do partido e das organizações sociais (OMA e JMPLA) aos mais diversos níveis.

“Hoje, em que no nosso país impera a competitividade política, consubstanciada na disputa das formações políticas pelo controlo do poder político e a competitividade económica, onde a inclusão social assume papel preponderante, a formação patriótica dos cidadãos é um factor catalisador para a preservação das tradições e conquistas alcançadas pelo povo angolano”, realçou.

O secretário-geral do partido governante defendeu que, na actualidade, o debate político e de ideias deve se constituir numa estratégia permanente do partido, quer na concepção de acções do seu dia-a-dia, quer no seio dos militantes, simpatizantes, amigos e do povo em geral.

“Foi com este espírito que o presidente do MPLA, José Eduardo dos Santos, orientou, em 2013, a redenominação do sistema de formação político-ideológica do partido, cuja estratégia de implementação culminou com a criação, este ano, do Centro de Formação Política do Partido (CEFOP), como antecâmara do ressurgimento da Escola Nacional do Partido.

Para o asseguramento da formação político-ideológica, prosseguiu, o dirigente partidário, criou-se uma Rede de Formação de âmbito nacional, provincial e municipal, cuja metodologia adoptada funciona com base na pluralidade de concepções, visões e interpretações existentes no partido e na sociedade.

Dino Matrosse felicitou os participantes do primeiro curso, por terem concluído com êxito, e mostrou-se convicto de que os resultados alcançados contribuirão para o reforço e aprimoramento do trabalho político, científico e tecnológico nas diversas esferas de actuação no Partido, no Estado, no Executivo e noutras áreas importantes da sociedade.

Por outro lado, notou que o estudo político ao nível das estruturas de base do partido e os eventos associados são a melhor forma de desenvolver o trabalho ideológico com os militantes, permitindo-lhes a ligação entre a teoria e a prática, e entre a acção partidária e as questões centrais da vida política, económica, social e cultural do país.

Nesta perspectiva, precisou que os comités de acção constituem o centro da atenção do trabalho político e ideológico do partido, tendo sublinhando o movimento de revitalização das estruturas da organização em curso no país, com vista sua consolidação, ao mesmo tempo que apelou à participação activa de todos os militantes neste processo.

“É imperioso a extensão do trabalho ideológico à sociedade, tendo em conta as responsabilidades do MPLA na condução dos destinos do povo angolano”, asseverou o dirigente partidário, que incumbiu parte da responsabilidade às organizações sociais do partido (OMA e JMPLA), mediante a integração nas Redes de Formadores dos seus dirigentes e militantes mais capazes. (portalangop.co.ao)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.