InicioAngolaNSA espiou quase 90 mil alvos em 2013

NSA espiou quase 90 mil alvos em 2013

(REUTERS)
(REUTERS)

A NSA espiou 89.138 alvos em 2013, graças aos seus programas de espionagem eletrónica, ao abrigo das disposições legais, designadamente o artigo 702 da lei conhecida pelo seu acrónimo FISA

A Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em Inglês) dos EUA divulgou na sexta-feira o seu primeiro relatório de atividade, em que revelou a quantidade de alvos do seu programa de espionagem eletrónica e telefónica.

Com esta iniciativa, a NSA pretende apaziguar as críticas de que foi objeto, enquanto os congressistas preparam algumas mudanças.

A NSA espiou 89.138 alvos em 2013, graças aos seus programas de espionagem eletrónica, ao abrigo das disposições legais, designadamente o artigo 702 da lei conhecida pelo seu acrónimo FISA.

Entre aqueles programas está o PRISM, que permite aos analistas desta agência aceder às comunicações (correios eletrónicos, fotografias, vídeos, documentos,…) dos internautas transmitidas via Facebook, Skype, Gmail e vários outros serviços da internet.

O artigo 702 respeita a pessoas estrangeiras que residam no estrangeiro, que não beneficiam da mesma proteção jurídica que os cidadãos norte-americanos, mas a NSA admitiu que também pode ter recolhido dados sobre norte-americanos, de forma indireta ou sem querer.

O número de pessoas vigiadas é sem dúvida superior àqueles 89.138, porque um “alvo” pode ser tanto uma pessoa como um outro ou uma organização, especifica a NSA.  (ionline.pt)

por Lusa

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.