- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Iraque: Kerry pede apoio dos líderes curdos a Bagdade, mas estes preferem...

Iraque: Kerry pede apoio dos líderes curdos a Bagdade, mas estes preferem a independência

(REUTERS)
(REUTERS)

Chefe da diplomacia dos EUA foi ao Curdistão iraquiano apelar à união no dia em que os jihadistas tomaram a principal refinaria do país

Os curdos do Iraque querem aproveitar a crise, que deixou a república árabe no caos, na sequência da ofensiva dos militantes sunitas no Norte e no Oeste do território, para avançar com o processo de independência formal. “O Iraque está claramente a desfazer-se aos bocados. Chegou o momento de o povo do Curdistão assumir as rédeas do seu futuro e é a sua decisão que vamos respeitar”, disse em entrevista à CNN Massoud Barzani, o presidente da região. Estas declarações coincidem com a visita de emergência do secretário de Estado norte-americano, John Kerry, à região, para pedir aos líderes curdos que apoiem Bagdade numa altura decisiva dos combates pelo território e num dia em que os jihadistas assumiram o controlo da principal refinaria do país, Baiji, a norte de Bagdad.

O chefe da diplomacia americana insistiu numa entrevista à BBC que não há maneira de solucionar pela via militar um problema de natureza política, explicando que só um novo governo que respeite os interesses das diferentes comunidades do país poderá travar o avanço da insurreição sunita liderada pelo Estado Islâmico do Iraque e do Levante (ISIS), grupo que cresceu a partir de uma cisão na Al-Qaeda naquele país e que pretende formar um califado abrangendo a Síria e o Iraque.

As tropas do Curdistão iraquiano assumiram há duas semanas o controlo de Kirkuk, cidade com importantes reservas de petróleo que foi abandonada pelo exército depois de as forças do ISIS terem capturado a segunda maior cidade do país, Mossul, no início da vertiginosa campanha que levou os jihadistas até a menos de 100 quilómetros da capital. Os curdos consideram Kirkuk – situada junto ao limite da sua zona autónoma – a sua capital histórica, e a sua captura torna ainda mais tentador para os curdos a ideia de assumirem os seus ganhos isoladamente, em vez de se aliarem a um regime impopular e que pode estar condenado.

A região curda abrange vastos campos petrolíferos e tem conseguido manter a estabilidade, em claro contraste com o resto do Iraque. Vários elementos da liderança curda têm afirmado que já não estão comprometidos com o Iraque e que apenas estão a ganhar tempo para agarrar a melhor oportunidade de conseguir a independência há muito desejada.

Os relatos que ontem chegavam do Iraque indicam que os rebeldes conseguiram finalmente tomar a refinaria de Baiji, que produz um terço do petróleo refinado do Iraque e que permanecia sitiada há dez dias – tendo a luta pelo seu controlo levado ao racionamento de combustíveis -, depois de a ofensiva ter sido várias vezes repelida pelas forças iraquianas. Entretanto, a Reuters citou oficiais iraquianos que informam que os rebeldes começaram o cerco a uma das maiores bases aéreas do país, al-Bakr, a norte de Bagdade, isto depois de terem já tomado os postos fronteiriços que ligam a maior província do país, Anbar, à Síria, num avanço que vem intensificar a ameaça dos jihadistas na guerra civil contra o governo alauita de Bashar al-Assad.

Enquanto isso, ontem a ONU divulgou que a ofensiva do ISIS matou pelo menos 1075 pessoas, três quartos das quais civis. Adiantou ainda que a estimativa deve ser vista como um mínimo e que o total de vítimas é provavelmente superior. Parte das mortes deveu–se a “execuções sumárias confirmadas” de civis, polícias e soldados não envolvidos em combates. Uma delas, segundo vários media locais, foi a do juiz Rauf Rashid, que condenou à morte Saddam Hussein, em 2006. (ionline.pt)

por Diogo Vaz Pinto

- Publicidade -
- Publicidade -

Ministra de Estado avalia projectos paralisados

A ministra de Estado para Área Social, Carolina Cerqueira, avaliou, ontem o grau de execução física de alguns projectos de impacto social no Huambo,...
- Publicidade -

Tribunal absolve activistas detidos no Uíge que acusam a polícia de tortura

Um deles conta que agentes da polícia fracturam-lhe a perna e o braço numa cela do tribunal Os três membros do projecto político CRENTES-PJ, liderado...

Parlamento anula transferência de 476 milhões do Fundo de Resolução para Novo Banco

Proposta do BE foi aprovada com votos a favor do PSD, PCP e PAN. O PS acusou já de madrugada o PSD de “irresponsabilidade...

Euclides da Lomba no “Conversas Acústicas”

O músico Euclides da Lomba é o convidado do programa Conversas Acústicas, a decorrer domingo, no Espaço Luanda. O evento consiste em noites multiculturais de...

Notícias relacionadas

Ministra de Estado avalia projectos paralisados

A ministra de Estado para Área Social, Carolina Cerqueira, avaliou, ontem o grau de execução física de alguns projectos de impacto social no Huambo,...

Tribunal absolve activistas detidos no Uíge que acusam a polícia de tortura

Um deles conta que agentes da polícia fracturam-lhe a perna e o braço numa cela do tribunal Os três membros do projecto político CRENTES-PJ, liderado...

Parlamento anula transferência de 476 milhões do Fundo de Resolução para Novo Banco

Proposta do BE foi aprovada com votos a favor do PSD, PCP e PAN. O PS acusou já de madrugada o PSD de “irresponsabilidade...

Euclides da Lomba no “Conversas Acústicas”

O músico Euclides da Lomba é o convidado do programa Conversas Acústicas, a decorrer domingo, no Espaço Luanda. O evento consiste em noites multiculturais de...

PF investiga crimes na Petrobras em nova fase de Lava Jato

Autoridades cumprem dois mandados de busca e apreensão em Angra dos Reis e Aruruama, ambas cidades do Rio de Janeiro A PF deflagrou na última...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.