- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Desporto Mundial2014: Eliminação dos Camarões reflecte existência de problemas na federação

Mundial2014: Eliminação dos Camarões reflecte existência de problemas na federação

A eliminação dos Camarões logo na fase de grupos do mundial2014, quando ainda falta uma jornada por se disputar, reflecte a existência de alguma desorganização interna a nível da Federação Camaronesa de Futebol, considerou hoje o cidadão guineense residente em Luanda Mohamedi Ali, quando falava à Angop.

 seleção do Camarões (D:R)
seleção do Camarões (D:R)

Segundo disse, os leões indomáveis foram ao mundial com problemas ligados a prémios monetários pela sua qualificação à prova do Brasil, o que significa que administrativamente a sua federação não está bem.

“Como é que uma equipa como os Camarões foi a última a chegar ao Brasil porque os seus jogadores reclamaram prémios? Só pode existir problemas de desorganização  administrativa”, afirmou o guineense que trabalha no ramo de comércio a retalho.

Para Mohamed Ali, os Camarões têm jogadores de ponta que poderiam levar a equipa africana à outra fase da prova, mas o seu afastamento prematuro trará ao público os grandes problemas internos que a federação de futebol daquele país vive.

Aquando da derrota frente ao México, por 0-1, foi notório que o representante africano não tinha um futebol consistente do ponto de vista táctico, colectivo e individual para impor-se nesse mundial. Agora com a goleada de 0-4 sofrida nesta quarta-feira frente à Croácia confirmou-se o mau momento dos Leões Indomáveis, referiu.

“No mundial de 1990, os Camarões dignificaram o futebol africano, ao apresentarem um futebol convincente. Mas neste mundial não fizeram nada”, afirmou Mohamed Ali, para quem o reinado camaronês em África no futebol está a chegar ao fim, devido aos presumíveis problemas federativos.

Por seu turno, Bayo Hibrain, da Guiné Conacry, adiantou que o afastamento dos Camarões não era previsível, porque se apresentaram com uma equipa com bons jogadores

“Eu esperava pela sua recuperação depois da derrota frente ao México. Mas infelizmente perdeu copiosamente frente à Croácia. É lamentável declarou o guineense também do ramo do comércio a retalho”, adiantando que as suas esperanças residem agora na Cote d’Ivoire e na Nigéria, por não terem perdido os jogos de estreia.

Já  Hibrain Dialó, também da Guiné Conacry, os Camarões tiveram pouca sorte por terem iniciado o mundial com uma derrota. “É sempre bom começar com vitórias para encarar o segundo jogo com optimismo. Mas isto não aconteceu”, afirmou.

A selecção dos Camarões, inserida no grupo A do mundial do Brasil, perdeu na estreia para o México por 0-1 e com a Croácia por 0-4. A sua última partida de consolação será frente ao Brasil,  no dia 23 de Junho.

A sua melhor prestação num mundial foi o sétimo lugar, na edição de 1990, na Itália. (portalangop.co.ao)

- Publicidade -
- Publicidade -

Diego Armando Maradona: da Villa Fiorito à glória de um génio

A trajectória de "El Pibe" No dia em que o mundo chora a perda de um dos maiores génios do futebol mundial, recorda-se também uma...
- Publicidade -

Autoridades angolanas registaram 11 casos de violência contra mulher por dia neste ano

Lançada em Angola campanha de 16 dias de activismo pelo fim da violência contra a mulher Em Angola, as autoridades registaram, pelo menos, 11 casos...

Mercado europeu aberto a produtos moçambicanos

Economista Constantino Marrengula não sabe até que ponto a economia moçambicana está preparada para este desafio. O embaixador da União Europeia em Moçambique diz que...

Governo do Namibe quer melhor avaliação dos projectos

A vice-governadora do Namibe para o Sector Político, Económico e Social apelou, ontem, em Moçâmedes, às administrações municipais a fazerem um melhor acompanhamento dos...

Notícias relacionadas

Diego Armando Maradona: da Villa Fiorito à glória de um génio

A trajectória de "El Pibe" No dia em que o mundo chora a perda de um dos maiores génios do futebol mundial, recorda-se também uma...

Autoridades angolanas registaram 11 casos de violência contra mulher por dia neste ano

Lançada em Angola campanha de 16 dias de activismo pelo fim da violência contra a mulher Em Angola, as autoridades registaram, pelo menos, 11 casos...

Mercado europeu aberto a produtos moçambicanos

Economista Constantino Marrengula não sabe até que ponto a economia moçambicana está preparada para este desafio. O embaixador da União Europeia em Moçambique diz que...

Governo do Namibe quer melhor avaliação dos projectos

A vice-governadora do Namibe para o Sector Político, Económico e Social apelou, ontem, em Moçâmedes, às administrações municipais a fazerem um melhor acompanhamento dos...

PGR atenta aos casos de corrupção

A Procuradoria-Geral da República está atenta e a investigar todos os casos de corrupção noticiados, afirmou hoje, em Luanda, o vice-procurador-geral da República, Mota...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.