- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Dois jornalistas russos morrem no leste da Ucrânia

Dois jornalistas russos morrem no leste da Ucrânia

gor Korneliuk, correspondente da "Rádio Televisão Estatal da Rússia (VGTRK), foi morto no leste da Ucrânia. (reprodução de imagem do site vesti.ru)
gor Korneliuk, correspondente da “Rádio Televisão Estatal da Rússia (VGTRK), foi morto no leste da Ucrânia.
(reprodução de imagem do site vesti.ru)

Depois de ficar gravemente ferido por disparos de morteiro no leste da Ucrânia, um jornalista morreu nesta terça-feira (17). O técnico de som que o acompanhava foi morto no local. A informação foi dada por um médico do hospital de Lugansk.

O jornalista, funcionário de uma rede de televisão pública, foi baleado perto de Lugansk, um dos redutos da insurreição separatista pró-Rússia no leste. “Ao chegar estava inconsciente e morreu quando era levado à sala de cirurgia”, declarou Fedir Solianik, um médico do hospital. Já seu companheiro de equipe, o técnico de som Anton Voloshin, morreu imediatamente após ser ferido.

Igor Korneliuk era correspondente da “Rádio Televisão Estatal da Rússia (VGTRK). O jornalista não foi o primeiro profissional de mídia a ser atingido pela tensão no leste da Ucrânia. No final de Maio, um jornalista da rede Rússia Today ficou ferido no abdómen durante uma reportagem na região.

A ONG Repórteres Sem Fronteiras afirmou que tem monitorado diariamente os riscos para jornalistas no leste da Ucrânia. Segundo a entidade, “há uma multiplicação de violações à liberdade de imprensa na Ucrânia”. No final de Maio, dois jornalistas ucranianos foram mantidos como reféns por três dias por grupos pró-russos em Schtchastie, em Lugansk. Acusados de espionagem, eles foram torturados e sofreram ameaças de morte.

Preocupada com a situação na região, a ONG enviou um comunicado para os governos da Ucrânia e da Rússia. “A organização reitera o apelo às autoridades ucranianas e russas bem como às milícias da região para que elas protejam e respeitem os profissionais de imprensa de qualquer linha editorial”. (rfi.fr)

- Publicidade -
- Publicidade -

Phil Collins: Do casamento de 500 mil euros à lavagem de roupa suja

O cantor está envolvido numa das guerras conjugais mais surreais de 2020. A sua terceira ex-mulher ocupou-lhe a mansão de Miami com o seu...
- Publicidade -

Covid-19: Portugal recebeu três mil milhões de euros para apoio aos trabalhadores

Portugal recebeu, esta terça-feira, uma tranche de três mil milhões de euros de fundos europeus, no âmbito do programa SURE, para ajudar vários setores...

Vice-Presidente alerta para reflexão na luta contra a SIDA

O Vice-Presidente da República, Bornito de Sousa, alertou para a necessidade de uma reflexão profunda na luta contra o HIV/SIDA. Em mensagem alusiva ao Dia...

Vítimas dos Conflitos Políticos: Conservatórias já podem emitir certidões de óbito

As Lojas dos Registos e as Conservatórias, que tratam de questões do registo civil, foram orientadas a receber e a dar o devido tratamento...

Notícias relacionadas

Phil Collins: Do casamento de 500 mil euros à lavagem de roupa suja

O cantor está envolvido numa das guerras conjugais mais surreais de 2020. A sua terceira ex-mulher ocupou-lhe a mansão de Miami com o seu...

Covid-19: Portugal recebeu três mil milhões de euros para apoio aos trabalhadores

Portugal recebeu, esta terça-feira, uma tranche de três mil milhões de euros de fundos europeus, no âmbito do programa SURE, para ajudar vários setores...

Vice-Presidente alerta para reflexão na luta contra a SIDA

O Vice-Presidente da República, Bornito de Sousa, alertou para a necessidade de uma reflexão profunda na luta contra o HIV/SIDA. Em mensagem alusiva ao Dia...

Vítimas dos Conflitos Políticos: Conservatórias já podem emitir certidões de óbito

As Lojas dos Registos e as Conservatórias, que tratam de questões do registo civil, foram orientadas a receber e a dar o devido tratamento...

Dia Mundial da Luta Contra a SIDA: Pepfar em Angola usa abordagem focada na família

Segundo dados de 2018 da UNAIDS, o escritório para a SIDA das Nações Unidas, em Angola houve um aumento de 33% nas mortes relacionadas...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.