InicioAngolaBrasil anuncia apoio à candidatura de Angola ao Conselho de Segurança da...

Brasil anuncia apoio à candidatura de Angola ao Conselho de Segurança da ONU

(ionline.pt)
(ionline.pt)

A eleição será feita depois de Setembro próximo, durante a 69.ª Assembleia Geral das Nações Unidas, e engloba o mandato para o período 2015/2016

A Presidente brasileira Dilma Rousseff anunciou hoje o apoio do Brasil à candidatura de Angola a membro não permanente no Conselho de Segurança da ONU, justificado com o “olhar atento” que poderá representar naquele órgão.

“Estou certa de que Angola poderá oferecer um olhar atento e alternativas equilibradas aos atuais desafios à Paz e à segurança internacionais”, afirmou, em Brasília, Dilma Rousseff, após uma reunião no Palácio do Planalto com o homologo angolano, José Eduardo dos Santos.

O Presidente da República de Angola terminou hoje uma visita de Estado ao Brasil e a diplomacia internacional, além dos assuntos económicos, foi um dos assuntos em cima da mesa.

“Concordamos que Brasil e Angola são atores importantes no processo de democratização das relações internacionais”, disse Dilma Rousseff, no discurso de encerramento desta visita, antes de justificar o apoio à candidatura angolana.

“A África e a América Latina precisam de estar melhor representadas nos processos decisórios globais, que necessitam de mais legitimidade. Por isso, é com especial satisfação que anunciei ao presidente Santos o apoio brasileiro à candidatura de Angola ao Conselho de Segurança da ONU para o próximo biénio”, afirmou a Presidente brasileira.

A eleição será feita depois de setembro próximo, durante a 69.ª Assembleia Geral das Nações Unidas, e elgloba o mandato para o período 2015/2016.

Durante o discurso oficial, ainda no Palácio do Planalto, o Presidente angolano agradeceu e retribuiu o anúncio brasileiro de hoje.

“Nós sabemos que é intenção do Brasil candidatar-se à conferência internacional dos Direitos Humanos. E Angola apoia essa candidatura do Brasil firmemente”, disse José Eduardo dos Santos, pouco antes de garantir que o país vai também “continuar a torcer” para que o Brasil seja o próximo campeão do mundo de futebol.

Depois do Brasil, O Chefe de Estado angolano prossegue a visita à América Latina desta vez em Cuba, onde permanecerá entre 17 e 20 de junho.

Além de concorrer ao Conselho de Segurança da ONU, Angola preside desde 15 de janeiro à Conferência Internacional da Região dos Grandes Lagos (CIRGL), que visa a resolução de vários conflitos que permanecem ativos naquela região africana. (ionline.pt)

por Lusa

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.