InicioAngolaComité de Ministros de Defesa do CIRGL enaltece presidência cessante

Comité de Ministros de Defesa do CIRGL enaltece presidência cessante

O presidente em exercício do Comité de Ministros de Defesa da Conferência Internacional sobre a Região dos Grandes Lagos (CIRGL), o angolano João Lourenço, manifestou-se satisfeito hoje, sábado, com o mandato do presidente cessante, o ministro ugandês da defesa, Odongo Jéjé.

Ministro Ugandês da Defesa Odongo Jéjé.
Ministro Ugandês da Defesa Odongo Jéjé.

A satisfação está manifesta no comunicado final da reunião ministerial realizada em Luanda que juntou 11  dos 12 ministros que integram o Comité de Defesa da CIRGL. Esteve ausente o ministro da Defesa da  República Centro Africana.

Segundo a nota, a que a Angop teve acesso, o também ministro da Defesa de Angola, João Lourenço, reafirmou o compromisso em continuar o trabalho realizado pelo seu antecessor em matéria de restabelecimento da paz, estabilidade e desenvolvimento na Região dos Grandes Lagos.

O comité de ministros analisou entre outros, aspectos atinentes ao relatório do comité dos chefes do estado-maior general que também estiveram reunidos na capital angolana e reafirmaram a melhoria da situação de segurança no leste da República Democrática do Congo (RDC).

Relativamente a situação de segurança e humanitária no leste da RDC país, o comité de ministros referiu  que as operações de erradicação de focos estão na fase final.

O comunicado final foi rubricado  no fim da reunião pelos ministros da defesa de Angola, Burundi, República do Congo, República Democrática do Congo (RDC), Quénia, Uganda, Rwanda, Sudão, Sudão do Sul, Tanzânia e Zâmbia.

A República de Angola, na pessoa do seu Presidente, José Eduardo dos Santos assume por dois anos a presidência rotativa da CIRGL, cujo mandato iniciou em Janeiro deste ano.

A CIRGL foi criada após os conflitos políticos que marcaram a região dos Grandes Lagos, em 1994, cujo resultado marcou o reconhecimento da sua dimensão e a necessidade de um esforço concentrado com vista a promoção da paz e do desenvolvimento na região.

O secretariado executivo foi inaugurado em Maio de 2007, em Bujumbura, e tem a função de coordenar, facilitar e assegurar a implementação do pacto para criar as condições de paz, segurança, estabilidade política e desenvolvimento na região dos Grandes Lagos. (portalangop.co.ao)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.