- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo África Senegal defende aprofundamento das relações comerciais com Portugal

Senegal defende aprofundamento das relações comerciais com Portugal

Lisboa – O ministro dos Negócios Estrangeiros do Senegal, Mankeur Ndiaye, defendeu quinta-feira, em Lisboa, o aprofundamento da relação comercial entre os dois países, considerando que este país africano é “um destino privilegiado dos investimentos estrangeiros”.

Bandeira do Senegal (ANGOP)
Bandeira do Senegal (ANGOP)

Durante o seminário, que decorre na Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP), Oportunidades de Investimento e Relações Económicas Portugal-Senegal, o governante salientou que “já há uma cooperação forte entre os dois países, nomeadamente com a presença no Senegal de empresas portuguesas na área das infra-estruturas e reparação naval”, mas disse que o objectivo era “intensificar o relacionamento comercial”.

No discurso, Mankeur Ndiaye enfatizou que “o Senegal é hoje um país de oportunidades devido à transformação estrutural da economia, à melhoria na governação das instituições e à estabilidade política”, considerando que estes e outros factores, como a “independência da magistratura e da justiça”, fazem deste país africano, que se apresenta como “emergente”, um “destino privilegiado de investimentos estrangeiros”.

De acordo com os dados da AICEP sobre a balança comercial entre os dois países, a que a Lusa teve acesso, o saldo é favorável a Portugal no primeiro trimestre deste ano, apesar de um aumento de 62% nas compras de Portugal ao Senegal e de uma descida de 4,4% nas exportações de Portugal para o Senegal.

No primeiro trimestre do ano passado, o saldo das trocas comerciais tinha sido favorável a Portugal em 3,2 milhões de euros, mas reduziu-se para apenas 610 mil euros, o que revela uma descida de 81%.

Portugal exportou produtos no valor de 6,6 milhões de euros e importou produtos que valem pouco mais que seis milhões. (portalangop.co.ao)

- Publicidade -
- Publicidade -

Angola: os desafios da renacionalização

Os activos imobiliários públicos aumentaram mais de 1,8 mil milhões de euros no âmbito do processo de recuperação. Essas transferências de propriedade e outras...
- Publicidade -

Solução eMIMO da Huawei economiza operações e aumenta a eficiência em sites de telecomunicações

As oportunidades de usar sites de telecomunicações como recursos de energia estão a tornar-se particularmente atraentes em países com condições de rede instáveis. A...

“Banquete” da TPA não satisfaz jornalistas angolanos

Série denunciando alegada corrupção de antigos dirigentes vista com tendenciosa e tentativa de “branquear” o actual governo O “Banquete” – a série da Televisão Pública...

Diego Armando Maradona: da Villa Fiorito à glória de um génio

A trajectória de "El Pibe" No dia em que o mundo chora a perda de um dos maiores génios do futebol mundial, recorda-se também uma...

Notícias relacionadas

Angola: os desafios da renacionalização

Os activos imobiliários públicos aumentaram mais de 1,8 mil milhões de euros no âmbito do processo de recuperação. Essas transferências de propriedade e outras...

Solução eMIMO da Huawei economiza operações e aumenta a eficiência em sites de telecomunicações

As oportunidades de usar sites de telecomunicações como recursos de energia estão a tornar-se particularmente atraentes em países com condições de rede instáveis. A...

“Banquete” da TPA não satisfaz jornalistas angolanos

Série denunciando alegada corrupção de antigos dirigentes vista com tendenciosa e tentativa de “branquear” o actual governo O “Banquete” – a série da Televisão Pública...

Diego Armando Maradona: da Villa Fiorito à glória de um génio

A trajectória de "El Pibe" No dia em que o mundo chora a perda de um dos maiores génios do futebol mundial, recorda-se também uma...

Autoridades angolanas registaram 11 casos de violência contra mulher por dia neste ano

Lançada em Angola campanha de 16 dias de activismo pelo fim da violência contra a mulher Em Angola, as autoridades registaram, pelo menos, 11 casos...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.