- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal Costa gasta 2,25 milhões de euros para acabar com greve de lixo

Costa gasta 2,25 milhões de euros para acabar com greve de lixo

 Lixo (Pedro Azevedo)
Lixo
(Pedro Azevedo)

Sindicalistas desmarcam greve para dia de Santo António após cedência da Câmara Municipal de Lisboa

Foi preciso uma maratona de quatro horas e meia de negociação com o Sindicato dos Trabalhadores do Município de Lisboa para o presidente da câmara conseguir travar a greve do lixo durante as festas dos santos populares. António Costa teve de ceder em quase toda linha para poder garantir a limpeza na cidade após a noite de Santo António.

A “entrada imediata” de 150 cantoneiros foi uma das principais cedências que levou o sindicato a suspender a paralisação ao trabalho extraordinário entre os dias 13 e 22, assim como a greve dos funcionários de limpeza urbana de sábado.

Para a contratação dos novos funcionários, a autarquia vai investir 2,25 milhões de euros anualmente. O valor foi avançado ao i pelo vereador com o pelouro da Higiene Urbana, após ter consultado o vice-presidente da autarquia. Duarte Cordeiro explicou que “este não é um custo acrescido anual, tendo em conta as aposentações previstas para o próximo ano”, que devem ultrapassar as 50, além das saídas voluntárias de funcionários.

Segundo o autarca, o custo anual por trabalhador aposentado é muito superior ao custo de um novo trabalhador, considerando os anos de serviço. Contas do lado da oposição, avançadas ao i, apontam para um investimento anual de 1,1 milhões de euros, referindo-se apenas aos 100 novos trabalhadores. Ou seja, subtraindo os 50 trabalhadores que se reformam para o ano.

Reforço Duarte Cordeiro explicou ainda ao i que o reforço de trabalhadores foi uma das medidas pensadas para entrar em vigor a seguir à reforma administrativa, altura em que “a câmara fez uma avaliação sobre o sector e passou por uma fase de adaptação”. Recorde-se que no final de Maio, o vice-presidente da autarquia de Lisboa tinha, Fernando Medina, já anunciado a contratação de 150 cantoneiros até 2016.

Ontem, durante as negociações entre câmara e sindicato, ficou decidido que a contratação seria imediata, com a abertura de um concurso, processo que, segundo o vereador da Higiene Urbana, pode levar um ano e meio até estar concluído.

“Para não esperarmos até ao final do concurso, apostamos na contratação imediata de 150 trabalhadores”, acrescentou. Destes, 125 serão avençados e os restantes contratados através do Contrato Emprego-Inserção, do Instituto de Emprego e Formação Profissional. Duarte Cordeiro esclarece ainda que o “concurso é aberto a todos”, inclusive aos que vão estar já a trabalhar nos serviços de limpeza durante este ano e meio, que, para o autarca, “poderão até ter a experiência no sector como vantagem”.

Queixas Os funcionários da higiene urbana queixam-se das más condições laborais e da falta de pessoal, uma situação que dizem ter como consequência o elevado número de horas de trabalho. Segundo números do Sindicato dos Trabalhadores do Município de Lisboa (STML), a descentralização das competências do serviço de limpeza urbana para as juntas de freguesia levou à saída de 650 trabalhadores. “Conseguimos chegar a acordo com a autarquia em vários pontos, mas não foi suficiente para suspendermos a greve na totalidade”, explicou ao i Vítor Reis. O presidente do sindicato conta que na agenda para a reunião marcada com a câmara municipal para dia 20 de Junho, ficou prevista a discussão de soluções concretas para os funcionários e serviços que foram transferidos para as juntas.

Bombeiros Os Sapadores Bombeiros de Lisboa também desconvocaram a greve que estava marcada para hoje, depois de, segundo fonte sindical, o presidente da câmara se ter comprometido a satisfazer algumas reivindicações. Entre elas está a abertura de concurso para promoções, a aquisição de fardamento e a entrada de 50 novos recrutas. Segundo António Pascoal, do STML, ficou agendada uma nova reunião com António Costa para tentarem resolver outros problemas pendentes, admitindo voltarem a formas de luta caso não sejam resolvidos. (ionline.pt)

por Marta Cerqueira

- Publicidade -
- Publicidade -

Chuva desaloja 600 pessoas na Lunda Norte

Seiscentas pessoas ficaram desalojadas em várias localidades da província da Lunda Norte, em consequência da destruição parcial e total de 129 residências, causadas pelas...
- Publicidade -

Metro de superfície tem obras em Janeiro

As obras dos primeiros 30 quilómetros do Metro de Superfície de Luanda podem começar em Janeiro de 2021, admitiu, ontem, o ministro dos Transportes,...

Técnicos de justiça vão reforçar o combate à corrupção

O ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz, considerou, ontem, que a formação e capacitação judiciária de oficiais e técnicos de justiça...

Morreu Teta Lágrimas o homem da amizade colorida

O falecimento do cantor Teta Lágrimas hoje de manhã, por doença, em Luanda é algo que nos entristece profundamente. Muito recentemente tínhamos recebido um...

Notícias relacionadas

Chuva desaloja 600 pessoas na Lunda Norte

Seiscentas pessoas ficaram desalojadas em várias localidades da província da Lunda Norte, em consequência da destruição parcial e total de 129 residências, causadas pelas...

Metro de superfície tem obras em Janeiro

As obras dos primeiros 30 quilómetros do Metro de Superfície de Luanda podem começar em Janeiro de 2021, admitiu, ontem, o ministro dos Transportes,...

Técnicos de justiça vão reforçar o combate à corrupção

O ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queiroz, considerou, ontem, que a formação e capacitação judiciária de oficiais e técnicos de justiça...

Morreu Teta Lágrimas o homem da amizade colorida

O falecimento do cantor Teta Lágrimas hoje de manhã, por doença, em Luanda é algo que nos entristece profundamente. Muito recentemente tínhamos recebido um...

O SARS-CoV-2 é transportado pelo ar: Por que razão ainda estamos a limpar as superfícies?

Cientistas que inicialmente alertaram para superfícies contaminadas, defendem agora o novo coronavírus espalha-se, essencialmente, através de gotículas inaladas. Há pouca ou quase nenhuma evidência...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.