- Publicidade-
InicioCulturaCuanza Norte: Músico Jacinto Tchipa defende criação de academia artística nacional

Cuanza Norte: Músico Jacinto Tchipa defende criação de academia artística nacional

Dondo – O músico e compositor angolano Jacinto Tchipa defendeu hoje, no Dondo, município de Cambambe (província do Cuanza Norte), a necessidade urgente da criação, no país, de uma academia artística.

Músico Jacinto Tchipa (Foto: Francisco Miúdo)
Músico Jacinto Tchipa (Foto: Francisco Miúdo)

Em entrevista à  Angop, Jacinto Tchipa referiu que o país possui um conjunto de artistas nacionais com capacidade criativa a dimensão mundial, mas a falta de uma formação específica em artes limita a qualidade das suas obras, por apresentarem conteúdos musicais que carecem de melhorias.

Considerou que a produção actual resulta de um esforço individual dos artistas que necessitam de ser estimulados para a sua imposição no mercado artístico internacional.

Disse igualmente que tal realidade tem estado a contribuir para uma aparição reduzida dos artistas nacionais em vários eventos, pois precisa- se de domínio técnico, académico e cientifico para sustentar a iniciativa e criatividade dos artistas angolanos.

Jacinto Tchipa disse que os artistas nacionais enfrentam ainda muitos problemas para a sua aparição no mercado e os que têm tal oportunidade fazem-no com esforço redobrado, pois muitos deles participam em actividades musicais e outras de forma gratuita, com a finalidade apenas de divulgar a sua imagem, na medida em que os estímulos muitas vezes atribuídos não compensam os custos de produção.

O músico realçou que  a actividade artística nacional já atingiu níveis imensuráveis, com realce para a música nos mais variados estilos, incluindo o ku duro, que carece de maior atenção, pelo facto de as letras que o caracterizam darem a possibilidade da introdução de conteúdos ofensivos e com palavras obscenas, por falta de controlo na sua elaboração, facto que podia ser possível fazer se houvesse uma academia onde se aprende a técnica do bem-fazer.

Lembrou que a música é um elemento de rápida expansão, muitas vezes imitada, factor que  implica maior responsabilidade na sua produção.

Referiu que o mesmo sucede com o teatro, cinema e a dança, pelos temas apresentados e a maneira de estar em público, chamando a atenção para os cuidados a ter em conta e desta forma se promover as iniciativas do génio criador de forma ética e ordeira.

Natural da província do Huambo, Jacinto Tchipa  é um músico angolano que se notabilizou durante a década de 80, tendo se sagrado vencedor, por duas vezes consecutivas ( 1986 e 1987), do concurso Top dos Mais Queridos, numa promoção da Rádio Nacional de Angola (RNA).

Jacinto Tchipa nasceu em 1958, no município da Caála, tendo começado a sua carreira artística em 1973, gravando o seu primeiro disco de vinil, intitulado “África”, nos anos 80.

Temas como “Cartinha da Saudade”, “Maié Maíe”, “Kumbi Lianda”, “Sissi Olá”, “Tchivale Tchivale” constam do repertório do artista. (portalangop.co.ao)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.