- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Iraque: Primeiro-ministro pede estado de emergência para travar ofensiva islamita em Mossul

Iraque: Primeiro-ministro pede estado de emergência para travar ofensiva islamita em Mossul

(EURONEWS)
(EURONEWS)

O primeiro-ministro iraquiano pediu ao parlamento que declare o estado de emergência num momento em que a segunda cidade do país, Mossul, foi tomada por combatentes islamitas.

Nuri al Maliki justificou a medida como uma forma de travar o avanço do Estado Islâmico do Iraque e do Levante, um grupo jihadista que depois de tomar a província de Ninive (cuja capital é Mossul) ameaça agora prosseguir a ofensiva em Salahedin, a norte de Bagdade.

O chefe de estado apelou às tribos locais para que tomem armas para contrariar a ofensiva do grupo, tendo pedido à ONU, à Liga Árabe e à União Europeia para que assumam responsabilidades no terreno.

“A gravidade da situação justifica medidas imediatas e eficazes para preservar a segurança nacional”, afirmou Maliki durante um discurso no parlamento.

O grupo armado ligado à rede Al-Qaida e presente no Iraque, mas também na vizinha Síria, afirma ter tomado controlo da sede do governo em Mossul, assim como de várias prisões, onde libertou mais de 3 mil presidiários.

Os combatentes islamitas estarão por detrás da nova vaga de violência que provocou mais de 4.600 mortos desde o início do ano no país.

As tensões entre xiitas e sunitas no Iraque, assim como a fragilidade do governo de Bagdade permitiram ao grupo islamita ganhar protagonismo, engrossando as suas fileiras com desiludidos mas também com centenas de combatentes estrangeiros, entre os quais se encontrarão dezenas de europeus. (euronews.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Afreximbank em alta, depois da crise

Sob a liderança de Benedict Oramah, reeleito como seu presidente em Junho, o banco pan-africano conseguiu desenvolver novos instrumentos para se adaptar à nova...
- Publicidade -

UNITA defende conclusão do pacote legislativo autárquico

A Comissão Política da UNITA defendeu a conclusão da aprovação do Pacote Legislativo Autárquico até ao final do corrente ano, no quadro da preparação...

Covid-19 faz 124ª morte em Moçambique

A pandemia da COVID-19 voltou a fazer uma vítima mortal na cidade de Maputo. Trata-se de um moçambicano de 40 anos de idade, que...

Covid-19 em Portugal: Mais 74 mortes e 4044 infectados

O número de infectados ultrapassou os 58,6 milhões em todo o mundo. Já morreram 1,38 milhões de pessoas com covid-19 e 37,4 milhões recuperaram...

Notícias relacionadas

Afreximbank em alta, depois da crise

Sob a liderança de Benedict Oramah, reeleito como seu presidente em Junho, o banco pan-africano conseguiu desenvolver novos instrumentos para se adaptar à nova...

UNITA defende conclusão do pacote legislativo autárquico

A Comissão Política da UNITA defendeu a conclusão da aprovação do Pacote Legislativo Autárquico até ao final do corrente ano, no quadro da preparação...

Covid-19 faz 124ª morte em Moçambique

A pandemia da COVID-19 voltou a fazer uma vítima mortal na cidade de Maputo. Trata-se de um moçambicano de 40 anos de idade, que...

Covid-19 em Portugal: Mais 74 mortes e 4044 infectados

O número de infectados ultrapassou os 58,6 milhões em todo o mundo. Já morreram 1,38 milhões de pessoas com covid-19 e 37,4 milhões recuperaram...

Países africanos preparam regresso aos mercados em 2021

Analistas antecipam que países da África subsaariana voltem a emitir dívida a partir de 2021, depois de saída dos mercados financeiros motivada pela pandemia...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.