InicioAngolaTerminou ataque em aeroporto no sul do Paquistão

Terminou ataque em aeroporto no sul do Paquistão

Hakimullah Mehsud foi morto, em novembro, na sequência de um ataque de um ‘drone’ (avião não tripulado) norte-americano numa zona tribal no noroeste do país, reduto do TTP

(Foto: Lusa)
(Foto: Lusa)

O ataque ao aeroporto de Carachi, no sul do Paquistão, terminou, quase 12 horas depois do início de um cerco que fez pelo menos 24 mortos, anunciou hoje um porta-voz da força paramilitar da cidade.

O exército e os paramilitares vão entregar o controlo do aeroporto à Autoridade de Aviação Civil pelas 12:00 (08:00 em Lisboa), disse o porta-voz dos Rangers, Sibtain Rizvi, aos jornalistas.

Lançado na noite de domingo por um grupo de homens, munidos com armas automáticas e granadas, o ataque resultou em pelo menos 24 mortos, incluindo dez atacantes, de acordo com o mais recente balanço das autoridades paquistanesas, o qual foi, contudo, divulgado antes do fim dos confrontos.

A autoria do ataque foi reivindicada, esta manhã, pelo Tehreek-e-Taliban Pakistan (TTP).

“Levamos a cabo o ataque no aeroporto de Carachi para vingar a morte de Hakimullah Mehsud”, disse à agência AFP Shahidullah Shahid, porta-voz do movimento dos talibãs paquistaneses que lidera, desde 2007, uma sangrenta guerra contra o governo de Islamabad.

Hakimullah Mehsud foi morto, em novembro, na sequência de um ataque de um ‘drone’ (avião não tripulado) norte-americano numa zona tribal no noroeste do país, reduto do TTP.

“O Paquistão usou as conversações de paz como uma ferramenta de guerra (…). Este é o nosso primeiro ataque vingando a morte de Hakimullah Mehsud”, afirmou o mesmo responsável.

“Temos ainda de vingar a morte de centenas de mulheres e crianças inocentes na sequência de ataques aéreos”, disse, frisando: “Isto é apenas o começo”.

As forças de segurança do Paquistão informaram, esta manhã, ter relançado uma operação militar, após um novo tiroteio registado horas depois de terem anunciado ter recuperado o controlo do aeroporto da capital económica do país, acabando com o cerco do grupo de homens armados. (portalangop.co.ao)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.