- Publicidade-
InicioAngolaRegiõesMalanje: Cooperativa de criadores de gado arrecada Akz 70 milhões de kwanzas...

Malanje: Cooperativa de criadores de gado arrecada Akz 70 milhões de kwanzas em leilão

Gado angolano nos Gambos, Huíla (AP)
Gado angolano nos Gambos, Huíla (AP)

Malanje – Setenta milhões de kwanzas é o valor arrecadado pela Cooperativa de criadores de gado do sul de Angola, durante o leilão de bovinos que decorreu sábado na Fazenda Esperança na comuna do Lombe, município de Cacuso, província de Malanje.

Durante a actividade, enquadrada na feira nacional do criador de gado encerrado domingo, 89 cabeças de gado de alta qualidade, que resultaram do cruzamento de diferentes raças, como simbra, brama, nelore, mestiça, girolanda, bosmaua e nacional, foram leiloadas.

Na ocasião, o presidente da cooperativa de criadores de gado, Luís Neves, realçou a importância da actividade agropecuária em Angola, que tem evidenciado um crescimento considerável, apresentando perspectivas bastante positivas para o desenvolvimento das 18 províncias do país.

Salientou que o grémio está apostado na recuperação e desenvolvimento das antigas fazendas, sem prejuízo dos hábitos tradicionais e pastoril ou a perturbação do acesso aos pontos de água.

De acordo com o responsável, todos criadores de gado pretendem que os recursos pecuários existentes contribuam para o aumento da riqueza nacional, quer por via de fomento de mais empregos, quer pela criação do valor económico para os pecuaristas.

A feira visou promover a troca de experiências entre criadores de gado e facilitar a compra e venda de gado.

A exposição, que juntou cerca de uma centena de criadores de gado das províncias de Malanje, Huila, Cuando Cubango e pessoas interessadas de outras províncias do país, visou igualmente contribuir para o desenvolvimento económico turístico e agro-pecuário da região.

A fazenda Esperança que acolheu de 6 a 8 deste mês o dia do criador do gado localizada no sector de Caculo-Canje (comuna do Cota), existe há 8 anos e emprega pelo menos 100 funcionários.

Com área de 10 mil hectares, a fazenda possui terras aráveis, apropriadas para o cultivo e produção de vários produtos agro-pecuários.

Estiveram presentes no local, o ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Afonso Pedro Canga, os governadores das províncias de Malanje, Cuando Cubango, Bié e Huíla, nomeadamente Norberto dos Santos, Higino Carneiro, Álvaro de Boavida Neto e Marcelino Tchipyngue. (portalangop.co.ao)

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.