- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal Cavaco defende que é tempo de "medo dar lugar à esperança"

Cavaco defende que é tempo de “medo dar lugar à esperança”

O Presidente da República defendeu hoje que é tempo de “o medo dar lugar à esperança” e de reencontrar o rumo certo para o país, insistindo na necessidade de evitar erros passados.

(Foto: Lusa)
(Foto: Lusa)

“É tempo de o medo dar lugar à esperança”, afirmou o chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, numa intervenção na câmara municipal da Guarda, por ocasião das comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.

Aludindo ao labirinto da cidade da Guarda conhecido por “Jardim do Medo”, pelo sentimento que pode “evocar o desconhecimento pelo caminho a seguir”, Cavaco Silva sustentou que “no labirinto que, enquanto povo, a História nos reservou, experimentamos momentos de dificuldades”.

“Questionámo-nos sobre onde começámos a trilhar esta vereda, compreendemos como e porque chegámos aqui. É fundamental que evitemos erros passados, para que no futuro as novas gerações não tenham de voltar a fazer os mesmos sacrifícios”, frisou.

Agora, acrescentou, “finalmente, vemos para onde nos devemos dirigir” e com os olhos postos no futuro temos de reencontrar no presente o rumo certo para o país.

Na sua intervenção, o Presidente da República recordou que esta é a segunda vez em 37 anos que a Guarda acolhe as comemorações oficiais do 10 de Junho, destacando a evolução do país e da cidade ao longo de quase quatro décadas.

“A Guarda, que noutros tempos parecia tão distante, é hoje protagonista de um projeto estratégico dinamizado pelos responsáveis autárquicos e empresariais”, disse, considerando que a localização, “afinal privilegiada”, da cidade pode “representar um ativo económico e permite-lhe aspirar a ser mais que um local de passagem”.

“A implantação de novas empresas no concelho e no distrito da Guarda, com forte aposta na inovação e desenvolvimento, é a prova de que a interioridade pode ser vencida e de que à fatalidade da geografia não corresponde a fatalidade da desertificação”, acrescentou, incentivando à procura ativa de investimentos, à exploração das “potencialidades endógenas” e à aposta na divulgação do património histórico e das tradições, atraindo turistas.

“Trinta e sete anos depois, e apesar de tudo o que a torna hoje uma cidade europeia, é no essencial a mesma Guarda que recebe as Comemorações do Dia de Portugal: formosa e farta, fria, forte e fiel”, enfatizou.

Antes da cerimónia na câmara da Guarda, onde recebeu a medalha de ouro da cidade, Cavaco Silva participou na cerimónia militar do içar da bandeira e guarda de honra militar, na Praça Luís de Camões, e na cerimónia de homenagem aos combatentes da Grande Guerra, no Jardim José de Lemos, e visitou a igreja da Misericórdia. (noticiasaominuto.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Ministra de Estado avalia projectos paralisados

A ministra de Estado para Área Social, Carolina Cerqueira, avaliou, ontem o grau de execução física de alguns projectos de impacto social no Huambo,...
- Publicidade -

Tribunal absolve activistas detidos no Uíge que acusam a polícia de tortura

Um deles conta que agentes da polícia fracturam-lhe a perna e o braço numa cela do tribunal Os três membros do projecto político CRENTES-PJ, liderado...

Parlamento anula transferência de 476 milhões do Fundo de Resolução para Novo Banco

Proposta do BE foi aprovada com votos a favor do PSD, PCP e PAN. O PS acusou já de madrugada o PSD de “irresponsabilidade...

Euclides da Lomba no “Conversas Acústicas”

O músico Euclides da Lomba é o convidado do programa Conversas Acústicas, a decorrer domingo, no Espaço Luanda. O evento consiste em noites multiculturais de...

Notícias relacionadas

Ministra de Estado avalia projectos paralisados

A ministra de Estado para Área Social, Carolina Cerqueira, avaliou, ontem o grau de execução física de alguns projectos de impacto social no Huambo,...

Tribunal absolve activistas detidos no Uíge que acusam a polícia de tortura

Um deles conta que agentes da polícia fracturam-lhe a perna e o braço numa cela do tribunal Os três membros do projecto político CRENTES-PJ, liderado...

Parlamento anula transferência de 476 milhões do Fundo de Resolução para Novo Banco

Proposta do BE foi aprovada com votos a favor do PSD, PCP e PAN. O PS acusou já de madrugada o PSD de “irresponsabilidade...

Euclides da Lomba no “Conversas Acústicas”

O músico Euclides da Lomba é o convidado do programa Conversas Acústicas, a decorrer domingo, no Espaço Luanda. O evento consiste em noites multiculturais de...

PF investiga crimes na Petrobras em nova fase de Lava Jato

Autoridades cumprem dois mandados de busca e apreensão em Angra dos Reis e Aruruama, ambas cidades do Rio de Janeiro A PF deflagrou na última...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.