- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Moçambique Líder da Renamo ameaça dividir Moçambique

Líder da Renamo ameaça dividir Moçambique

Afonso Dlhakama, líder da RENAMO, na oposição em Moçambique (Miguel Martins/RFI)
Afonso Dlhakama, líder da RENAMO, na oposição em Moçambique
(Miguel Martins/RFI)

O líder da Renamo, Afonso Dhlakama, numa interacção por teleconferência, com os líderes religiosos baseados em Maputo ameaçou dividir o país se o governo não aceitar a paridade nas forças de defesa e segurança e acusou ainda os líderes religiosos de de serem coniventes com o executivo.

Foi com um tom de voz agastado que o líder da Renamo, principal força de oposição, ameaçou dividir país em dois, isto se o governo moçambicano não aceitar a paridade nas forças de defesa e segurança. A ameaça não é nova, mas desta vez a mensagem foi enviada para os líderes religiosos baseados em Maputo que ouviram as palavras de Afonso Dhlakama através de teleconferência. ” Nós estamos cansados e a Frelimo não nos quer ouvir, perguntem ao Guebuza onde é que ele quer colocar os homens da Renamo, ou então vamos dividir isto. O Sudão dividiu-se, a Alemanha Federal com a Alemanha Democrática estavam divididas, Coreia do Norte e Coreia do Sul. Por causa dessas brincadeiras de regimes que maltratavam os outros”.

O líder da Renamo justificou ainda os recentes confrontos na estrada nacional nº1 como resposta às incursões das tropas governamentais e responsabilizou as congregações religiosas pela actual situação de tensão político-militar que se vive em Moçambique. “Avisamos que ele está a mandar contingentes mas ninguém ligava, nem vocês os religiosos e agora é que estão a chorar! Vocês também não são sérios”.

Apesar do discurso amargo, o presidente do principal partido da oposição diz ser pela paz e aos líderes religiosos deixou um último apelo para que sensibilizem o governo para terminar com acções que prejudiquem o desenvolvimento no país.

Na Irlanda, onde prossegue a visita oficial, o Presidente moçambicano, Armando Guebuza, acusou o líder da Renamo de inventar problemas para satisfazer os seus interesses pessoais à custa dos moçambicanos e disse que os homens armados da oposição “acordam todos os dias para matar os seus irmãos”.

Recorde-se que esta semana a Renamo anunciou suspensão do cessar-fogo que tinha anunciado recentemente para travar os confrontos com o executivo moçambicano num conflito que já dura desde há já vários meses. (rfi.fr)

- Publicidade -
- Publicidade -

Tortuosos caminhos da liberdade (IV)

Arranco decidido para a terceira etapa do meu percurso, com o foco da corrupção a ocupar, bem contra a minha vontade – devo confessar...
- Publicidade -

Inaugurado em Luanda: Presidente propõe criação de fundo para manutenção do Arquivo Nacional

João Lourenço defende que a utilização do espaço deve obedecer a critérios que não pesem no bolso dos cidadãos, para que as pessoas possam...

Reações.Violência policial na França: a imprensa estrangeira em choque

Deriva autoritária? Caso George Floyd ao estilo francês? Após a divulgação de imagens da agressão a um produtor negro pela polícia e enquanto uma...

Falta de comida leva ursos a atacar túmulos na Rússia

Animais procuraram forma de sobreviver à fome O comportamento incomum dos animais foi observado em mais do que uma cidade, mas foi o município russo...

Notícias relacionadas

Tortuosos caminhos da liberdade (IV)

Arranco decidido para a terceira etapa do meu percurso, com o foco da corrupção a ocupar, bem contra a minha vontade – devo confessar...

Inaugurado em Luanda: Presidente propõe criação de fundo para manutenção do Arquivo Nacional

João Lourenço defende que a utilização do espaço deve obedecer a critérios que não pesem no bolso dos cidadãos, para que as pessoas possam...

Reações.Violência policial na França: a imprensa estrangeira em choque

Deriva autoritária? Caso George Floyd ao estilo francês? Após a divulgação de imagens da agressão a um produtor negro pela polícia e enquanto uma...

Falta de comida leva ursos a atacar túmulos na Rússia

Animais procuraram forma de sobreviver à fome O comportamento incomum dos animais foi observado em mais do que uma cidade, mas foi o município russo...

LIMA tem nova líder no Bengo

A nova presidente provincial do Bengo da Liga da Mulher Angolana (LIMA), Ana Paula Afonso, foi investida, ontem, em Caxito, substituindo Ana José Chumbo. A...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.