InicioMundo LusófonoBrasilEducação contribui para desconcentrar renda, diz Dilma

Educação contribui para desconcentrar renda, diz Dilma

Durante discurso em cerimônia de inauguração da empresa de tecnologia HT Micron, no último sábado, 7, em São Leopoldo (RS), a presidente Dilma Rousseff falou sobre como a educação terá, na opinião dela, papel cada vez mais estratégico no processo de desconcentração de renda no Brasil (Foto: ABr)
Durante discurso em cerimônia de inauguração da empresa de tecnologia HT Micron, no último sábado, 7, em São Leopoldo (RS), a presidente Dilma Rousseff falou sobre como a educação terá, na opinião dela, papel cada vez mais estratégico no processo de desconcentração de renda no Brasil (Foto: ABr)

Durante discurso em cerimônia de inauguração da empresa de tecnologia HT Micron, no último sábado, 7,  em São Leopoldo (RS), a presidente Dilma Rousseff falou sobre como a educação terá, na opinião dela, papel cada vez mais estratégico no processo de desconcentração de renda no Brasil. Segundo a presidente, a educação pode garantir “que não se volta atrás no fantástico processo de desconcentração de renda que o Brasil viveu nos últimos 11 anos”.

A presidente afirmou que a inovação deve ser questão central no País, que precisará cada vez mais de cientistas e pesquisadores. Neste ponto, a presidente fez elogios ao programa Ciência Sem Fronteiras, que leva universitários brasileiros para estudar no exterior.

Brincando com um trocadilho “infame” que ouviu em São Leopoldo, chamando a região de Vale do “Sulício”, a presidente afirmou que pode-se estruturar um Vale do Silício na região. Para isso, a presidente disse que o governo cumpre seu papel de “garantir as melhores condições para o investimento produtivo privado”. Ela elogiou ainda a cooperação entre Brasil e Coreia.

Dilma afirmou que são R$ 16 bilhões de investimento em inovação por parte do BNDES e da Finep, além de R$ 23,4 bilhões em contratação de financiamento. (diariodolitoral.com.br)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.