- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Angola Encontro com Hollande marca retomada de discussões de Putin com ocidentais

Encontro com Hollande marca retomada de discussões de Putin com ocidentais

François Hollande (d) foi o primeiro líder ocidental a receber o presidente russo Vladimir Putin (e) desde a anexação da Crimeia. (REUTERS/Fred Dufour)
François Hollande (d) foi o primeiro líder ocidental a receber o presidente russo Vladimir Putin (e) desde a anexação da Crimeia.
(REUTERS/Fred Dufour)

François Hollande foi o primeiro líder ocidental a receber oficialmente Vladimir Putin desde a anexação da Crimeia, há dois meses, quando o presidente russo foi isolado pela comunidade internacional. O chefe do Kremlin também se reuniu com o primeiro-ministro britânico David Cameron e tem encontro marcado com a chanceler alemã Angela Merkel.

François Hollande enfrentou um exercício diplomático delicado na noite desta quinta-feira (5). Após ter recebido a rainha da Inglaterra, Elizabeth 2ª, o chefe de Estado se encontrou com os presidentes dos Estados Unidos, Barack Obama, e da Rússia, Vladimir Putin, apesar das relações estremecidas entre os representantes de Washington e de Moscovo por causa da crise na Ucrânia.

Mas o líder francês encontrou uma solução para receber os dois na mesma noite, em um jantar com o primeiro, no restaurante parisiense Le Chiberta, e uma espécie de ceia com o segundo, no palácio do Eliseu, sede da presidência francesa. Os dois chefes de Estado estão na França para o aniversário dos 70 anos do desembarque dos aliados na Normandia, celebrados nesta sexta-feira (6).

Além do malabarismo diplomático de Hollande, o evento também marca a volta à cena internacional de Vladimir Putin. O francês foi o primeiro líder ocidental a receber oficialmente o presidente russo, isolado desde a anexação da Crimeia, há dois meses. Durante uma hora e meia os dois chefes de Estado falaram sobre vários assuntos, mas a crise ucraniana foi o tema principal das conversas. Nenhuma declaração oficial foi feita após a ceia.

Encontros bilaterais

Um pouco antes Putin se reuniu rapidamente com o primeiro-ministro britânico, David Cameron, logo após seu desembarque em Paris. O primeiro ministro disse que “a Rússia deve reconhecer e trabalhar com o novo presidente ucraniano”, Petro Poroshenko.

Os chefes da diplomacia norte-americana, John Kerry, e russa, Sergueï Lavrov, também se encontraram em um hotel parisiense na noite desta quinta-feira. Eles confirmaram a vontade mútua de cooperar pela paz e a estabilidade na Ucrânia.

As reuniões bilaterais continuam nesta sexta-feira, com um encontro entre Putin e a chanceler alemã Angela Merkel. Os dois devem se reunir na Normandia, paralelamente à cerimónia de aniversário dos 70 anos de desembarque dos aliados.

Nenhuma reunião está prevista entre Obama e Putin. O chefe da Casa Branca declarou durante a tarde desta quinta-feira em Bruxelas que “se as provocações russas continuarem, os países do G7 estão dispostos a impor sanções suplementares à Rússia”. (rfi.fr)

 

- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Notícias relacionadas

- Publicidade -

1 COMENTÁRIO

Responder a gildo calunga Cancelar resposta

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.