- Publicidade-
Smooth Jazz Rádio Calema
Inicio Mundo Lusófono Portugal "O Governo não atinge os objetivos porque é incompetente"

“O Governo não atinge os objetivos porque é incompetente”

Eurico Brilhante Dias disse esta segunda-feira na sede nacional do Partido Socialista que, apesar de uma decisão do Tribunal Constitucional ter inviabilizado três normas do Orçamento de Estado, o Governo não cumpre os seus objetivos económicos porque é incompetente.

(D.R)
(D.R)

“Há limites para a falta de pudor na democracia portuguesa. O PSD quer justificar um aumento de impostos com uma decisão do tribunal Constitucional, que fez, apenas e só, cumprir a lei e a Constituição”, disse esta segunda-feira Eurico Brilhante Dias na sede nacional do Partido Socialista, comentando a decisão dos juízes do Palácio Ratton de inviabilizar três normas do Orçamento do Estado, julgamento já criticado pela coligação.

Para justificar a sua afirmação de que um novo aumento de impostos ou qualquer medida adicional que se venha a verificar por parte do Governo após o anúncio do chumbo, o porta-voz do PS, disse que os dados recentes sobre a economia portuguesa, conhecidos hoje e durante a passada semana, demonstram a incompetência do Governo.

“Hoje soubemos que a dívida pública está nos 225 mil milhões de euros, representando 135% do PIB, um valor recorde nunca atingido. A Comissão Europeia já veio rever em baixa a evolução do PIB. O défice orçamental, nos primeiros quatro meses, foi de 5,6% e depois destes resultados vem a maioria (PSD e CDS/PP) dizer que não cumpre os seus objectivos por causa de uma decisão do Tribunal Constitucional?”, atirou sobre este tópico, terminando depois ao afirmar que “este Governo não atinge os seus objetivos porque é incompetente e tem aplicado politicas que não têm dado resultado”.

“É preciso assumir os erros”, concluiu. (noticiasaominuto.com)

- Publicidade -
- Publicidade -

Afreximbank em alta, depois da crise

Sob a liderança de Benedict Oramah, reeleito como seu presidente em Junho, o banco pan-africano conseguiu desenvolver novos instrumentos para se adaptar à nova...
- Publicidade -

UNITA defende conclusão do pacote legislativo autárquico

A Comissão Política da UNITA defendeu a conclusão da aprovação do Pacote Legislativo Autárquico até ao final do corrente ano, no quadro da preparação...

Covid-19 faz 124ª morte em Moçambique

A pandemia da COVID-19 voltou a fazer uma vítima mortal na cidade de Maputo. Trata-se de um moçambicano de 40 anos de idade, que...

Covid-19 em Portugal: Mais 74 mortes e 4044 infectados

O número de infectados ultrapassou os 58,6 milhões em todo o mundo. Já morreram 1,38 milhões de pessoas com covid-19 e 37,4 milhões recuperaram...

Notícias relacionadas

Afreximbank em alta, depois da crise

Sob a liderança de Benedict Oramah, reeleito como seu presidente em Junho, o banco pan-africano conseguiu desenvolver novos instrumentos para se adaptar à nova...

UNITA defende conclusão do pacote legislativo autárquico

A Comissão Política da UNITA defendeu a conclusão da aprovação do Pacote Legislativo Autárquico até ao final do corrente ano, no quadro da preparação...

Covid-19 faz 124ª morte em Moçambique

A pandemia da COVID-19 voltou a fazer uma vítima mortal na cidade de Maputo. Trata-se de um moçambicano de 40 anos de idade, que...

Covid-19 em Portugal: Mais 74 mortes e 4044 infectados

O número de infectados ultrapassou os 58,6 milhões em todo o mundo. Já morreram 1,38 milhões de pessoas com covid-19 e 37,4 milhões recuperaram...

Países africanos preparam regresso aos mercados em 2021

Analistas antecipam que países da África subsaariana voltem a emitir dívida a partir de 2021, depois de saída dos mercados financeiros motivada pela pandemia...
- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.