InicioAngolaCenso termina em Angola, mas há uma moratória de sete dias

Censo termina em Angola, mas há uma moratória de sete dias

(VOA)
(VOA)

As autoridades angolanas terminaram  oficialmente o Censo Geral da População e Habitação no passado sábado e deram uma moratória de mais sete dias para casos tidos como “pontuais” de registo.

Segundo dados oficiais  a  cobertura do Censo foi de   99% das residências  estando  em falta a recolha dos  dados  dos municípios de  Viana e Cacuaco, em Luanda Luanda,  Benguela e Lobito, em Benguela  e Chitato e Lucapa na Lunda Norte.

Salvador Ferreira, do Instituto Nacional de Estatística (INE),  disse à Radio Comercial  de Luanda que  nas zonas citadas vão  continuar  no terreno algumas equipas móveis  para, durante uma semana,  atender  os casos excepcionais,   assim como  estará a funcionar o Centro   de  Chamadas 114, para ser usado   por  aqueles que  ainda não tenham sido recenseados.
O Censo Geral da População e Habitação decorreu oficialmente entre 16 e 31 de Maio e envolveu mais de 100  mil pessoas nas 18 províncias do país.

O objectivo foi identificar as principais características demográficas e socioeconómicas da população angolana.

O último censo em Angola foi realizado em 1970, ou seja, antes da independência. Na ocasião, foram contabilizadas 5,6 milhões de pessoas.

As estimativas mais recentes apontam para cerca de 21 milhões de habitantes em Angola. (voa.com)

Siga-nos

0FansCurti
0SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever

Últimas notícias

Notícias relacionadas

- Publicidade -

Deixe um comentário

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.